O teólogo petista Leonardo Boff teve muitas dificuldades para conseguir visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, mas, até que a Justiça liberou, desde que a visita fosse voltada para uma assistência espiritual. Boff chegou a fazer plantão no prédio da Superintendência da Polícia Federal no dia 19 de abril e estava revoltado por não autorizarem a sua entrada.

Após conseguir a visita com Lula e depois de passar um bom tempo falando com ele, Boff começou a passar os recados recebidos pelo ex-presidente.

De acordo com ele, Lula afirmou que continua "candidatíssimo". O teólogo ressaltou que Lula está bem e se mantém firme na luta. Um dos pontos destacados pelo líder espiritual, é que o ex-presidente tem demonstrado indignação e acredita que as pessoas querem eliminá-lo das Eleições. O líder espiritual teria dado conselhos para o ex-presidente e fornecido livros de autoajuda. Porém, nesse encontro entre os dois, um fato chamou a atenção e acabou sendo notícia em um site.

Recado principal

Um dos recados de Lula foi guardado pelo emissário que, em um encontro com petistas, decidiu revelar uma das partes da conversa com o ex-presidente. A matéria foi divulgada pelo site "Jornal Cidade Online" e já foi repercutida nas redes sociais em várias páginas, sendo muito compartilhada.

Na matéria publicada no supracitado site, o líder do PT teria revelado a ele um grande arrependimento.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Lula PT

"Lula se arrepende de não ter fugido", revela. O ex-presidente também teria falado que pressente que não será solto tão rapidamente, igual estava imaginando mais no começo. A situação está ficando mais difícil cada dia que passa.

Uma das frustrações de Lula é o seu advogado Sepúlveda Pertence. Lula estaria chateado com a atuação dele. O petista esperava um empenho maior e mais vitórias na Corte, o que não aconteceu.

Divisão

O PT está começando a se dividir com a prisão de Lula. O partido não se entende internamente e ninguém sabe quais serão os próximos passos para a disputa presidencial.

Um dos temores de alguns membros do PT é que o partido acabe tendo uma Eleição vexaminosa. Continuar mantendo a esperança em Lula pode ser uma aposta errada, que lá na frente, pode se tornar tarde demais.

De um outro lado, está a cúpula petista teimando com a candidatura do ex-presidente e a todo momento, associando sua narrativa a uma perseguição política.

O clima tenso e a prisão do petista está causando uma divisão jamais vista em toda a história do PT.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo