Nas redes sociais, o movimento a favor de Lula tem ganhado força entre os grupos formados pelos manifestantes com o intuito de demonstrarem a insatisfação com a prisão de Lula. Eles usam as redes sociais para se unirem e incentivar um ao outro a continuar se manifestando.

Grupos no Facebook formados por apoiadores do petista estão usando uma hashtag com o intuito de causar um impacto maior e chamar a atenção para o assunto.

Eles estão usando uma hashtag chamada “#LulaLivre”. Esse movimento tem ganhado muita força, pois as postagens nos grupos sobre o assunto chegam a ter várias curtidas e comentários usando a hashtag.

Quanto mais o número de pessoas usam a hashtag mais ela sobe no ranking e isso faz com que ela fique no topo demonstrando para as outras pessoas o números de pessoas que são a favor daquele movimento. No dia 7 de abril a hashtag “#EuSouLula” foi o assunto mais comentado pelos usuários do twitter.

Movimentos pró Lula vêm sofrendo vários ataques

Desde a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), grandes movimentos e atos de manifestações contra a prisão foram criados por seus apoiadores e toda militância petista. Um dos primeiros movimentos foi o acampamento “Lula Livre” em frente à sede da Polícia Federal em Curitiba, lugar onde Lula está cumprindo sua prisão.

Todos os dias, um grupo de manifestantes saúda o ex-presidente da parte de fora da sede da PF com a frase “Bom Dia Lula”.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Lula Política

Esse acampamento já sofreu ataque dos opositores. Há poucos dias durante a madrugada tiros foram disparados contra o acampamento, deixando algumas vítimas feridas e depois desse fato o acampamento já sofreu outras ameaças.

Um Delegado da Policia Federal também deferiu violências contra o movimento “Lula Livre”. O Delegado, Gastão Schefer Neto, destruiu um aparelho de som que estava sendo usado pelos protestantes no bairro Santa Cândida em Curitiba.

Pessoas que estavam participando do protesto relataram que o delegado invadiu a área restrita do acampamento onde estavam os manifestantes que faz parte do movimento “Lula Livre” e começou a destruir o som.

A assessoria da PF disse que iria aguardar a Manifestação da Polícia Civil sobre o assunto, pois o delegado não estava trabalhando no momento em que cometeu o ato e por isso deveriam aguardar o encaminhamento da PC.

Segunda Turma do STF da início a sessão virtual sobre o recurso de Lula

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) deu início a sessão virtual que irá julgar o recurso de Lula. Os advogados do ex-presidente Lula contesta a prisão antecipada do petista. Os ministros têm até a próxima quinta-feira (10) para apresentarem e decidirem seus votos sobre o recurso. A Segunda Turma do STF é formada por Edson Fachin, Celso de Mello, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Dias Toffoli.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo