A entrada de Daniel Lenhardt e Ivy Moraes deu o que falar na casa do "Big Brother Brasil 20". Logo quando entraram, os participantes chegaram munidos de informações a respeito do mundo externo, e não pouparam ao falar para os brothers tudo que sabiam e que poderia ajudar alguns deles no confinamento.

Os dois novatos contaram para os confinados a respeito da revolta do público do programa contra os participantes Felipe Prior, Lucas Gallina e Hadson Nery. Ao longo da tarde de quarta-feira (5), os brothers conversaram tentando entender onde eles haviam cometido erros que poderiam ter feito com que ficassem queimados com os telespectadores do reality.

Para Felipe, Marcela McGowan e Gizelly Bicalho foram as responsáveis por queimar o trio com o público do programa, após elas terem revelado para as mulheres da casa o plano que eles tinham de realizar uma espécie de ‘teste de fidelidade’ dentro do confinamento com as sisters que são comprometidas do lado de fora.

O arquiteto ainda acabou tendo uma discussão com a médica, na qual afirmou que ela deveria ter ido pedir desculpas para ele pelo ocorrido, para evitar que o caso fosse exposto de forma negativa.

O arquiteto conversou com a médica e revelou que havia ficado chateado com ela, pois achou que, em algum momento ela iria procurar por ele e pedir desculpas por ter exposto o que ele havia feito. Marcela, no entanto, acredita que não precisa pedir desculpas para o participante, e declarou que, quanto a isso, ela está com a consciência tranquila.

Logo em seguida, Prior se encaminhou para o quarto do confinamento e questionou a respeito das informações que foram levadas pelos novos participantes, e que poderiam favorecer o jogo delas, mas que poderiam prejudicá-lo.

Felipe reclamou muito no 'BBB20'

As reclamações do participante no entanto não pararam por aí. Já na hidromassagem, acompanhado por Lucas, ele continuou reclamando e falando que se sentia injustiçado pelos últimos acontecimentos do confinamento. O brother ainda explicou que estava chorando de raiva, e ressaltou que quem o conhece sabe que ele chora por raiva e por injustiça. Lucas, em seguida, questionou que o programa deveria ser uma casa de convívio, e que ele pensou que fosse uma competição.

Por outro lado, Hadson chamou Guilherme, o líder da semana, para conversar e saber mais a respeito das novas informações que foram levadas pelos participantes, e os desdobramentos que elas tiveram dentro do confinamento.

O ex-jogador questionou a respeito das duas pessoas que haviam entrado na casa, com informações de fora, e que demonstraram que estavam apoiando apenas um lado da história que aconteceu.

Eles ainda contaram o motivo que levou Petrix a ser eliminado, e que haviam recebido mensagens do público no local onde estavam revelando tudo que acontecia na casa, para poderem repassar os recados para os participantes interessados no assunto.

Não perca a nossa página no Facebook!