Durante a manhã dessa segunda-feira (9), o colunista Chico Barney, do UOL, usou a sua coluna para comentar a respeito da dinâmica do Quarto Branco, que aconteceu na última sexta-feira (6) e terminou durante a madrugada de sábado (7).

Ao falar sobre essa ocasião, Barney destacou que a dinâmica citada acabou por dar um novo fôlego para o jogo do arquiteto Felipe Prior, que chegou a conquistar vários fãs por seu jeito estranho e as suas estratégias pouco convencionais. De acordo com o colunista, a forma como Prior, Gizelly e Manu se entenderam durante o Quarto Branco fez com que uma espécie de trégua surgisse na “casa mais vigiada do Brasil”.

Ainda sobre esse assunto, Chico Barney destacou que Felipe Prior era uma espécie de “alvo preferencial” do grupo chamado por ele de Bloco Hegemônico, que abrange os participantes Pyong Lee, Marcela Mc Gowan, Ivy Moraes, Daniel Lendhart, Rafa Kalimann, Thelma Assis e as próprias Gizelly e Manu. Entretanto, após levar as duas sisters citadas para o Quarto Branco, Prior conseguiu uma “folga” e não foi votado por algumas pessoas durante a última formação de paredão.

Também durante a sua coluna, Barney destacou que o líder na enquete do UOL, referente à eliminação da semana, é Victor Hugo, que disputa a permanência na casa com Manu e Babu Santana.

Apesar de ter uma torcida descrita pelo jornalista como apaixonada, o psicólogo não tem força nas redes sociais, o que não é ajudado por sua falta de habilidade social no jogo. Além disso, as brigas com Manu, Gizelly e Felipe na festa de sábado acabaram por não ajudar na reputação de Victor Hugo.

Chico Barney fala sobre eliminação de Victor Hugo

Devido aos fatores citados, Barney pontua que o psicólogo não será alguém que vai fazer falta ao confinamento, ainda ele tenha tentado emplacar várias narrativas para se mostrar relevante na competição, como o trisal com Gabi Martins e Guilherme Napolitano.

Mesmo com todos os fatores citados, Chico Barney afirma que não acredita que a saída de Victor Hugo seria o melhor para o "BBB20" nesse momento. Deixando o seu ponto de vista sobre isso bastante claro, o colunista afirma que as certezas do Bloco Hegemônico precisam ser desfeitas o quanto antes, visto que eles ainda têm a crença de que Marcela é popular com o público.

De acordo com o colunista, o principal motivo para que isso precise acontecer está ligado ao fato de que o grupo em questão acredita ser capaz de “mandar e desmandar” no programa.

Assim, os “cabeças” do Bloco Hegemônico, Marcela e Pyong, precisam passar por um baque para conseguir entender que as coisas mudam para os telespectadores. Assim, segundo Chico Barney, a eliminação de Manu Gavassi poderia funcionar como o baque em questão servir para remodelar os rumos do "BBB20".

Não perca a nossa página no Facebook!