O Google Capital, então investidor da Alphabet, tem aplicado investimentos discretamente, de maneira quase imperceptível, na Snap Inc., companhia do queridinho Snapchat. O aplicativo tem sido um verdadeiro sucesso e arrecadou US$ 1,81 bilhão no começo deste ano, e especula-se que no início de 2017 esteja valendo entre US$ 25 bilhões e US$ 40 bilhões. 

O Snapchat, rede social de mensagens para celulares Android e iOS, pode ser usado para enviar texto, fotos e vídeos e o seu diferencial é que este conteúdo só pode ser visto apenas uma vez, pois é deletado logo em seguida, desaparecendo do app, sendo assim, torna-se possível enviar fotos e vídeos que sejam comprometedores com a "garantia" de que este conteúdo não será copiado e enviado para outras pessoas.

Esta funcionalidade fez com que o aplicativo alcançasse uma enorme popularidade entre os jovens que gostam de enviar os chamados "nudes".

Outro recurso que também conquistou os jovens foi conhecido como Lenses: filtros para as fotos onde o usuário pode adicionar efeitos em suas selfies. Já outra função, chama-se Geofiltros, que nada mais é do que filtros que só podem ser usados em locais específicos do mundo, e o “Stories” é uma ferramenta onde pode-se criar uma narrativa adicionando fotos e vídeos.

Assim como as mensagens comuns, também tem data de validade, com a diferença de poder ser visto várias vezes antes de sumir.

A constatação da relação entre as duas empresas se deu quando o então Google Capital anunciou nesta sexta-feira (4), sua mudança de nome, passando a se chamar Capital G, foi então que o logotipo de fantasma amarelo se incorporou a página de portfólio da empresa como sendo um dos destinos de seus investimentos.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Tecnologia

A Snap recusou-se a comentar. Em seu site, a Capital G diz que seu objetivo é "fazer investimentos voltados a resultados em empresas líderes em todo o mundo e ajudar os empreendedores a crescer rapidamente seus negócios".

As duas empresas já vinham mantendo algum relacionamento no passado. Em 2013, havia rumores de que o Google tentou comprar o Snapchat por US$ 4 bilhões, depois que a Snap recusou proposta do Facebook.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo