O aplicativo de mensagens WhatsApp está fora do ar no Brasil e no mundo, tanto no iOS quanto no Android e na web. A inacessibilidade do serviço começou pouco depois do meio-dia, pelo horário de Brasília. A empresa responsável pelo serviço confirmou que o app passa mesmo por uma instabilidade, mas não deu muitos detalhes, limitando-se a informar que o está trabalhando para que o serviço seja restabelecido o mais breve possível. A falha parece afetar não só o Brasil como outras regiões do mundo, incluindo boa parte da Europa.

Publicidade

A queda do WhatsApp no Brasil começou por volta das 12h14. Por volta da 13 horas, quando este artigo foi fechado, o site Downdetector, que monitora vários tipos de serviço online, registrava cerca de 5 mil notificações de problemas envolvendo o app por minuto. A maior parte dos problemas era relativo ao acesso ao serviço (36%). O restante era referente ao envio de mensagens (31%) e falha geral no aplicativo.

Tão logo os problemas começaram, o Twitter recebeu uma verdadeira enxurrada de reclamações dos usuários.

Para quem usa o aplicativo, o microblog é o primeiro lugar onde as pessoas costumam procurar informações. Com isso, o WhatsApp não tardou em chegar aos trendings topics por conta das reclamações dos clientes.

Além das reclamações de que o mensageiro não está funcionando, os usuários brasileiros, como sempre, aproveitaram para criar memes em volta do assunto. Muitos brincaram com o fato de só lembrar que o Twitter existe quando o WhastApp para de funcionar.

Alternativas ao WhatsApp

Embora muitas pessoas fiquem desesperadas quando o aplicativo para de funcionar, é sempre bom lembrar que o mensageiro, que hoje pertence ao Facebook, não é o único serviço do gênero disponível no Brasil.

Publicidade

Um dos aplicativos mais utilizados como alternativa ao WhatsApp é o Telegram. O app é bastante popular no mundo e também no Brasil. O mesmo pode ser dito do Zap Zap Messenger. O aplicativo foi criado por um brasileiro e costuma bombar sempre que o principal concorrente sair do ar. O Zap Zap, por sinal, utiliza a API do Telegram, e não deixa quase nada a desejar em relação ao WhastApp.

Além dos apps citados acima, há muitos outros que podem ser utilizados. Um deles é o Messenger que, como o WhatsApp, também pertence ao Facebook.

Também não se pode esquecer a plataforma da Microsoft, o Skype, o Google Allo e muitos outros. Opções não faltam aos usuários, basta escolher aquela que melhor se adapta as suas necessidades.

Em qualquer um dos caso acima, há aplicativos para as plataformas mais utilizadas, ou seja, iOS e Android. Além do mais, os usuários sempre podem contar com as redes sociais e, até mesmo, o bom e velho e-mail.