Com o crescimento da Televisão por assinatura e pela crise econômica que o Brasil está enfrentando, é cada vez mais comum ouvir sobre demissões e cortes que as grandes redes de televisão aberta estão realizando. Os cortes sempre são para economizar dinheiro, como é o caso da Rede Record que demitiu 200 funcionários e os substituiu por uma empresa terceirizada, para que as produções das atrações custassem menos.

 A Globo não está de fora dessa crise, pois para economizar acabou demitindo dois músicos integrantes do sexteto, grupo que sempre fez parte do Programa do Jô.

O SBT ainda não começou a fazer demissões, mas reduziu em 50% o salário de diversos atores, principalmente dos que fazem parte do principal programa humorístico do canal 'A Praça É Nossa'.

 Com a Bandeirantes não tem sido diferente. Sua grade de programação irá sofrer mudanças profundas, pois acabou com o programa 'Agora é Tarde' e todos os profissionais envolvidos na produção do talk show foram demitidos. A previsão era que o programa ficasse no ar pelo menos até o dia 10 de abril, mas a crise é tão grande que o programa de entrevistas viu o seu final na última sexta feira (27).

 Os funcionários da emissora estão desesperados e sem saber qual será o próximo programa a ser cortado. Na semana que vem a Band deve divulgar o cancelamento de diversos outros contratos, deixando aproximadamente 200 pessoas desempregadas. Os cortes serão na sede em São Paulo e nas principais filiais da emissora, como as de Belo Horizonte, Salvador e Rio de Janeiro.

 O setor que tem mais sofrido com a crise financeira é o jornalístico. Os plantões já foram cortados, ou seja, aos finais de semana os jornalistas são dispensados e se acontecer algo importante a emissora não irá cobrir.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Famosos Curiosidades

A previsão é que a demissão não poupe cargos: desde grandes diretores até técnicos que fizeram carreira dentro da Bandeirantes.

Oficialmente a Band informou que não está fazendo demissão em massa, mas cuidando da reestruturação da programação e da empresa como um todo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo