Pouco mais de dois anos de sua morte completados no início deste mês, o nome do ex-vocalista da banda Charlie Brown Jr., o Chorão, segue aparecendo nos noticiários. Se por um lado artistas, cantores e Famosos intimamente ligados a ele o seguem prestando homenagens e reiterando a falta que sentem, do outro o calvário da família Abrão, iniciado em março de 2013, parece não mais ter fim.

Alexandre, filho do cantor, conhecido por todos como Xande, também está no centro de algumas polêmicas. Segundo dona Nilda, mãe de Chorão e avó de Xande, o neto tem lhe privado de direitos e quer tomar dela o apartamento deixado pelo rockeiro ainda em vida.

Em vídeos recentemente públicados, Nilda - que neste ano também perdeu a filha Tânia Ramos, que faleceu após um AVC - fez elogios ao outro filho, Ricardo, e reprovou as atitudes do neto, Xande, de quem Chorão muito se orgulhava e citava em suas músicas. "Estou me sentindo mal tratada, e tudo começou quando o Xande, filho do Alê, me tirou a mesada que eu ganhava, e agora quer me tomar o apartamento dado pelo meu filho", desabafou Nilda.

Ela também conta que o fato de o filho Ricardo, irmão de Chorão, não trabalhar é um acerto antigo entre eles para que alguém pudesse ter total disponibilidade para cuidar da mãe, com apoio financeiro da herança do músico.

Nilza questiona as atitudes do neto, de quem, segundo ela, jamais tratou mal ou desprezou. Em suas palavras, ela entende que Xande faz parecer que ela está "morando de favor na própria casa, como uma legítima intrusa".

Carta psicografada

Na semana passada, um médium identificado como Eduardo Fructuoso alegou ter recebido uma carta psicografada do cantor. Em formato de Música, o médium do Lar de Frei Luiz, do Rio de Janeiro, autorizou a divulgação do conteúdo da suposta carta, mas nenhum representa legal da entidade comentou sobre o tema.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Famosos Televisão

Em formato de música, com rimas e palavras que lembram muitos dos sucessos do Charlie Brown Jr, Chorão conta na carta que "voltou ao quinto dos infernos", mas que pede para que "orem para que eu esteja forte", entre outros versos que demonstram arrependimento com o envolvimento com as drogas.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo