Anúncio
Anúncio

Em meio a boatos sobre um possível divórcio, Angelina Jolie e Brad Pitt cogitaram adotar mais um filho. Até já estavam se preparando para aumentar o número de filhos para sete - eles já têm seis: Maddox Chivan, Pax Thien e Zahara Marley, os filhos adotivos e Shiloh Nouvel, Knox Léon e Marcheline, os filhos biológicos, sendo os dois últimos gêmeos.

De acordo com o site de entretenimento Band.com, eles pensavam em adotar um órfão sírio e então conheceram três irmãos que ficaram órfãos, quando sua mãe foi morreu em um bombardeio e seu pai foi levado por soldados sírios.

O site "Radar Online" teria divulgado que Jolie estaria pronta para adotar os três meninos, mas que Pitt não aprovou a ideia. De acordo com o site, uma fonte informou que ao falar sobre isso com Brad ele disse que não, pois ir de seis para nove crianças era demais e que ele se preocupava que isso afetasse os outros filhos.

Advertisement

Angelina fez muitas visitas aos campos de refugiados sírios, onde estão mais de 70 mil crianças que perderam os pais e mais de 3.700 órfãs, pois perderam os pais para a guerra, prisão ou morte. 

Apesar da divulgação de que, como o título sugere, eles não irão adotar mais, há ainda uma esperança. O mesmo site "Radar Online" teria informado de que a papelada para a adoção de uma criança síria já estaria toda preparada. O que assustou Brad, na verdade, deve ter sido o fato da esposa querer as três crianças - ela se emocionou ao saber que os meninos viram quando o ai foi levado por soldados e também viram a sua casa ser explodida, e a mãe morreu na explosão, e isso a comoveu a ponto de querer os três.

Brad por outro lado, pensa que aumentar a Família dessa forma possa crias situações problemáticas com os outros filhos.

Advertisement
Os melhores vídeos do dia

O acordo deles era de que seria apenas uma. O processo de adoção demora cerca de cinco meses.

Os outros três filhos do casal são do Camboja (Maddox Chiva), da Etiópia (Zahara Marley) e do Vietnam (Pax Thien), todos lugares de conflitos ou de extrema pobreza e outros problemas - lugares pelos quais Angelina Jolie passa, realizando seu trabalho voluntário.

Entende-se a relutância de Brad Pitt, mas quão bem eles fariam a mais duas crianças se acordassem em adotar os três irmãos e não apenas um.