A semana em "Os Dez Mandamentos" começa com um silêncio de arrepiar! O silêncio reina absoluto, porém, será quebrado por um grito de desespero quando a primeira mãe descobrir que seu filho primogênito está morto.

E daí a pouco mais uma mãe faz a mesma descoberta e mais outra, até que todas as mães se unem em uma só voz, em um só pranto. É a 10ª praga chegando ao Egito.

Gritos tomarão conta de toda a cidade e as mães em pranto com seus filhos primogênitos mortos no colo. Já os hebreus vão poder respirar aliviados quando o dia amanhecer e certificarem-se que o Anjo da Morte poupou seus primogênitos.

Publicidade

Apesar da alegria de verem seus filhos vivos, os hebreus terão compaixão das mães egípcias que ficarão desconsoladas por verem que seus filhos perderam a vida por causa da teimosia de Ramsés que não quis libertar os hebreus.

Leila, Hur e Bezalel estarão chorando pois estão certos que Uri também está morto.

Moisés se comove com o sofrimento das famílias que perderam seus primogênitos e faz uma oração à Deus pedindo que Ele dê o conforto necessário a todos os pais que perderam seus filhos e agora choram a morte do primogênito.

FILHO DE RAMSÉS MORRE EM "OS DEZ MANDAMENTOS'

E a cena que o público tanto esperava será mostrada, quando a rainha Nefertari aparece segurando o filho Amenhotep em seus braços, já morto. Desesperada ela chora enquanto que Ramsés fica em acreditar no que está vendo e sai do quarto sem saber ao certo o que irá fazer.

Meketre e Tais ficarão emocionados ao ver o filho Hori vivo e juntos vão comemorar aliviados. Também estão felizes Corá e Bina porque a vida de Assir foi poupada.

Meketre não se contém, sai de casa e vai até a vila dos hebreus onde irá pedir perdão a Bak.

Publicidade
Os melhores vídeos do dia

Eles se abraçam emocionados e comemoram a oportunidade que lhes foi dada. Ele diz que não acreditava que Bak pudesse ser realmente seu filho, mas graças à 10ª praga ele agora tem esta certeza. Bak logo pergunta pelo irmão e fica feliz ao saber que está tudo bem.

"Eu achei que ia perder um filho, mas vejo que ganhei outro." - se emociona Meketre com Bak.

Moisés e Arão se encaminham até o palácio e lá se encontram com o Rei que encara Moisés em silêncio por um longo tempo até que resolve falar. O rei então diz que o povo hebreu não é mais escravo, estão todos livres e surpreendentemente pede a benção para Moisés que prontamente o atende.

O libertador então volta à vila e dá a boa nova, todos estão livres e Arão vai pedir a Oseias para ajudar a reunir todos os pertences, pois eles vão partir.

Para se livrarem dos escravos, os egípcios darão aos hebreus suas joias e também ouro.

Nefertari vela o filho morto com o coração em pedaços.