Publicidade
Publicidade

A estratégia da Rede Record em cancelar a estreia da novela "Escrava Mãe" e manter produções bíblicas na faixa das 20h30 enquanto aguarda o lançamento da segunda temporada de "Os Dez Mandamentos" em 2016, não vem dando muito certo. A emissora do bispo Edir Macedo escalou como substituta da trama de Moisés a reprise da minissérie "Rei Davi", que não segurou os índices acima dos 20 pontos de audiência atingidos pela trama de Vivian de Oliveira. Em sua segunda exibição, a produção estrelada pelo ator Leonardo Brício perdeu metade da audiência em sua primeira semana em relação aos números obtidos pela sua antecessora no horário.

Publicidade

Com isso, a principal beneficiada foi a novela "A Regra do Jogo", principal produto da Rede Globo. A trama de João Emanuel Carneiro vinha patinando na audiência - no período em que 'Os Dez Mandamentos' retratou os trechos da Bíblia que se referem às pragas do Egito e à abertura do Mar Vermelho, "A Regra do Jogo" ficava em segundo lugar na audiência durante o horário da produção bíblica da Record, voltando a se reerguer somente quando o capítulo da concorrente chegava ao fim.

Com o fim de "Os Dez Mandamentos" - que já estava em baixa nos seus capítulos finais - e a queda brusca na audiência de "Rei Davi", A Regra do Jogo tem aumentado seu número de telespectadores e consequentemente, sua audiência.

Na última terça-feira (24), a trama das 21h da Globo marcou 29 pontos de audiência, número superior ao 22 a 23 que vinha marcando quando concorria com a novela bíblica da Record.

Nesta quarta-feira (25), segundo dados prévios do Ibope, "A Regra do Jogo" marcou 31 pontos de pico, número que não alcança desde sua estreia, no final de agosto.

Estratégia mal sucedida

A Rede Record, em parceria com a produtora Casablanca, terceirizou a produção da novela "Escrava Mãe", cuja trama se passa antes dos acontecimentos da história contada em "Escrava Isaura".

Publicidade
Os melhores vídeos do dia

A trama estava escalada para substituir "Os Dez Mandamentos" na faixa das 20h30, e seria seguida de "A Terra Prometida", novela bíblica que conta a história de Josué e se passa momentos após o final do que é contado na trama de Moisés.

Com o sucesso de "Os Dez Mandamentos", a Record temeu a queda de audiência ao mudar a temática - novela bíblica para escravidão - e decidiu apostar no que já vinha dado certo: a exibição de Novelas bíblica. Com a decisão de fazer uma segunda temporada de "Os Dez Mandamentos", que ainda não começou a ser gravada e também sem nenhum material de "A Terra Prometida", a emissora do bispo escalou a reprise de "Rei Davi" para manter a sequência bíblica.

"Escrava Mãe", que tem todos os capítulos já gravados, tem estreia prevista para janeiro de 2016, agora realocada para a faixa das 19h30.