Anúncio
Anúncio

Poucos artistas brasileiros podem dizer com boca cheia que já foram apresentadores da Rede Globo de Televisão. Para muitos deles, a emissora é o sonho de consumo de trabalho na telinha. Mas a crise que atinge o país também está pegando em cheio algumas celebridades, inclusive uma ex-apresentadora infantil global. Mariah Rocha não vive seus melhores momentos financeiros. A informação foi confirmada neste sábado, 12, pelo jornalista Leo Dia do jornal 'O Dia'. 

Segundo ele, a atriz que já apresentou a 'TV Globinho' na Globo, além de séries, hoje não é contratada de nenhum canal.

Seu último trabalho foi em 2013, em um produto dramatúrgico da Rede Record, mas mesmo assim enfrenta uma crise financeira. O jornalista garante que Mariah Rocha foi despejada do local onde morava com seu único filho.

Advertisement

O imóvel é um apartamento no bairro de Ipanema, no Rio de Janeiro. 

Ela precisou sair do local por conta de uma ordem judicial. O motivo foi que os proprietários do apartamento tiveram que resolver a situação com sua inquilina na justiça, já que ela não estaria pagando o aluguel. Como o imóvel é localizado em uma zona nobre da cidade, o aluguel tende a ser bem alto. Casas e apartamentos na Zona Sul chegam a passar dos milhões de reais. O alto valor de venda também se reflete nos alugueis. 

Além de ter que abandonar o apartamento onde morava, Mariah Rocha estaria enfrentando problemas com a escola do filho, local que ela também não estaria pagando. A profissional da dramaturgia diz que está passando por tudo isso porque seu ex não está pagando a pensão alimentícia da criança. A versão foi desmentida pela escola do garoto, que diz ter recebido cópias dos pagamentos feitos pelo pai da criança.

Advertisement
Os melhores vídeos do dia

Os valores corresponderiam ao valor da pensão e foram depositados em uma conta de Mariah. O último trabalho na Televisão da atriz e apresentadora foi na novela 'Pecado Mortal'. Atualmente, ela não tem sido chamada para nada na telinha e também não tem qualquer previsão de projeto futuro. Que coisa, não?