Uma sexta-feira complicada para os usuários do Twitter que estão tendo que lidar com muitas informações falsas. Só que desta vez a culpa não é de quem usa esta rede social, como já aconteceu de alguns inventarem notícias sobre morte de Famosos, mas é que a própria mídia se enganou e por duas vezes em uma única tarde.

Primeiro foi o anúncio da morte do bebê de Deborah Secco que nasceu nesta sexta-feira e um colunista publicou que "Maria Flor" morreu devido a complicações na hora do parto.

Publicidade
Publicidade

O site recebeu a notícia, não confirmou e publicou a nota deixando milhões de pessoas por todo o Brasil tristes e logo o assunto estava nos mais comentados do Twitter, mas logo a notícia foi desmentida e o site precisou se desculpar publicamente.

Assim que a notícia foi desmentida e as desculpas foram publicadas, todos respiraram aliviados e comemoraram que a bebezinha passa bem, porém fizeram duras críticas pela falta de profissionalismo.

Publicidade

Não demorou muito para outra informação cair como uma bomba nas redes sociais, pois era anunciada a morte da atriz Danielle Winits. E as pessoas ficaram tão assustadas com a informação que nem perceberam que a notícia dizia que Danielle é ex-vocalista do Stone Temple Pilots e também do Velvet Revolver e ainda, que ela teria falecido aos 48 anos.

Danielle Winitskowski de Azevedo tem 42 anos e está muito bem de saúde, mas ainda não comentou a sua falsa morte sendo anunciada.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Televisão

Assim como Winits, vários outros artistas já foram dados como mortos nas redes sociais e tiveram que dar depoimentos para provarem que estavam vivos.

Quem morreu na verdade, aos 48 anos, foi o cantor Scott Weiland e a notícia foi confirmada pelo empresário do cantor, Tom Vitorino, que não quis dar maiores detalhes. O perfil de Weiland no Facebook informa que ele morreu no ônibus utilizado para a turnê que vinha sendo feita pelos Estados Unidos.

Mesmo após o pedido de desculpas pela notícia errada, muitas pessoas continuaram reclamando da falta de cuidado ao se publicar algo e o assunto também ficou entre os mais comentados do Twitter.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo