Após a expulsão de Ana Paula da "casa mais vigiada do país", o Big Brother Brasil 2016 (BBB), por ter dado dois tapas no rosto do modelo Renan, o clima dentro do confinamento não melhorou tanto quando os brothers esperavam. Isso porque com a formação do paredão triplo entre Adélia, Ronan e Munink, os que ficaram dentro da casa estão cada vez mais tensos, na expectativa de não serem eliminados.

Na noite de ontem, dia 6 de março, aconteceu mais uma festa entre os participantes.

Porém, nem todo mundo acordou totalmente recuperado. A estudante de jornalismo Munik, por exemplo, ainda estava embriagada pela manhã quando despertou com o alarme da casa e andou tropeçando e perambulando pela casa bastante triste. Atento ao estado da amiga, Ronan disse que a colocaria na cama, como fez com Ana Paula em sua última festa no BBB 16

Quando oe estudante falou isso, ela lembrou da jornalista mineira e não se conteve.

Começou a chorar a caminho do quarto. Ela pediu que ele mudasse de assunto, pois lembrar de Ana Paula não a faria bem naquele momento.

"Para, Ronan. Por que você está falando isso?", implorou ela, ainda chorando. O paranaense não brincou mais e fez com que ela dormisse.

Já no quatro roxo, Munik inda disse para Ronan que Adélia tinha que lavar o banheiro.

"Você viu como o banheiro está sujo? Todo mundo usou durante a festa.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos BBB Big Brother Brasil

Vou lá mandar Adélia lavar", adiantou.

A estudante afirmou que se ela está no paredão com eles tem mesmo é que limpar o banheiro para desestressar.

"Vai dormir, Pequi. Eu vou dormir também", finalizou ele, tentando acalmá-la.

Relembre a expulsão

Após uma verdadeira "festa de arromba", Munik e Ronan perderam uma das maiores aliadas para ganhar o jogo do BBB 2016, Ana Paula. A sister teve que se retirar do programa após dar dois tapas no rosto do modelo Renan.

Ela própria não acreditava que estivesse bem no jogo e tomou uma decisão para ser "ejetada" do programa, já que a própria direção a orientou que ficasse.

Do lado de fora da casa, a dona do bordão "olha ela" respondeu perguntas que viraram polêmicas entre os que acompanham o programa, a respeito do modelo. Ela mesma chegou a dizer em um programa de TV que, caso ele seja gay, "que se assuma". 

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo