Exibida pela terceira vez pela Record, a minissérie José do Egito mais uma vez encerra sua participação na telinha com chave de ouro. A história do hebreu que foi vendido como escravo pelos próprios irmãos e transformou-se no homem mais poderoso do Egito, abaixo somente do faraó, garantiu a emissora de Edir Macedo durante a sua exibição o segundo lugar isolado no ranking do Ibope. Ontem, dia do último capítulo da série, a audiência em São Paulo chegou a 15 pontos, com picos de 16 e share de 19%.

No Rio, a audiência chegou a 16 pontos, com share de 21%.

No período em que foi exibida, entre os dias 11 de janeiro e 7 de março de 2016, a média de audiência oscilou entre 13 e 14 pontos. De acordo com o Ibope, cada ponto equivale a, em média, 65 mil domicílios e 109 mil pessoas em São Paulo e a 39 mil domicílios e 109 mil no Rio de Janeiro.

No capítulo que foi ao ar ontem, José apresenta o pai, Jacó, e os irmãos Simeão (Caio Junqueira), Rubem (Guilherme Winter), Judá (Victor Hugo) e Levi (Felipe Cardoso) ao faraó Apopi (Leonardo Vieira) e a grande esposa real, Tany (Bianca Rinaldi).

O faraó então destina a terra mais fértil a família hebreia e dá aos irmãos de José o cargo de chefes do gado. Após uma grande comemoração, muitos anos se passam e Jacó, já bastante envelhecido, morre ao lado dos filhos e netos. Não antes sem conceder a benção a cada um deles. Uma grande comitiva parte para Canaã para o sepultamento de Jacó em uma cena de bastante emoção e sensibilidade.

Dirigida por Alexandre Avancini e escrita por Vivian de Oliveira, mesma autora do sucesso Os Dez Mandamentos, a minissérie contou com um elenco de peso, com destaque para os atores Denise Del Vecchio (Lia), Celso Frateschi (Jacó), Ângelo Paes Leme (José) e Leonardo Vieira (Apopi).

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Novelas

As boas interpretações, aliadas a um bom roteiro, asseguraram os números positivos até o ultimo capitulo. Fica agora para a substituta, Sansão e Dalila, de Gustavo Reiz, a tarefa de manter e elevar o número de telespectadores, preparando o terreno para a estreia de Os Dez Mandamentos - segunda temporada.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo