A polícia de São Paulo decidiu abrir investigação a respeito da acusação de assédio sexual cometido por Mc Biel contra uma jornalista do portal IG. A jornalista prefere não se identificar, mas afirma que o entrevistado disse a ela: "Quebraria no meio" e também chamou a jovem de 21 anos de gostosinha. Quando confrontado com as acusações o rapper fez questão de afirmar que tudo não passava de um mal entendido.

Além de tudo, a acusação já teve outras consequências para o rapper. Uma delas é que ele não poderá mais participar da cerimônia da Tocha Olímpica na cidade de Fortaleza nesta terça.

O comitê da Rio-2016 se pronunciou sobre o caso afirmando que a cerimônia tem uma mensagem de paz e que acusação contra o cantor não combina como a mensagem que o evento quer passar.

A repórter do IGafirma que durante a entrevista ela teria falado que tinha a mesma idade do cantor, ao que ele respondeu: "Idade não significa nada. Se te pego, te quebro no meio". A ocorrência foi registrada na primeira Delegacia da Mulher de São Paulo no dia trêsde maio. A repórter também entregou à polícia o conteúdo gravado em áudio e vídeo.

A Secretaria de Segurança Pública já divulgou que tanto o acusado quanto a vítima foram ouvidos sobre a questão e que outras testemunhas prestarão depoimentos nos dias seguintes

Numa tentativa de se defender Mc Biel foi numa rede social e escreveu um texto no qual ele afirmava que tudo não passava de uma brincadeira e culpava pessoas ressentidas por não aceitarem o seu sucesso. Ele comentou que a felicidade acompanhada de sucesso incomoda muita gente e que o caso já estava com as devidas medidas sendo tomadas

Desde o dia trêso cantor já foi amplamente criticado na internet.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Famosos Curiosidades

Muitos o estão acusandode machismo. O famoso Youtuber Felipe Neto fez um vídeo em que critica energicamente o comportamento do rapper. Este vídeo já tem mais de 10 mil visualizações e a maioria das pessoas apoia a crítica que foi feita. O assunto ainda é um dos mais comentados nas redes sociais.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo