A maior lenda do rock nacional nos deixou em 21 de agosto de 1989, e mesmo após 27 anos de sua morte, Raul Seixas continua conquistando uma legião de fãs ano após ano, além de manter os antigos. A sorte desses fãs é que o Maluco Beleza tinha um baú (o famoso baú do Raul) em que guardava várias gravações caseiras de composições que nunca foram para os discos e até shows completos que viriam a ser remasterizados mais tarde. 

Um desses shows encontrados no valioso baú está sendo lançado em vinil de luxo com edição numerada para colecionador. Isso aqui não é Woodstock, mas um dia pode ser é o novo LP de Raul Seixas gravado ao vivo no segundo Festival de Águas Claras em 1981.

A apresentação de "Raulzito" no festival foi apoteótica e anárquica, improvisando versos novos em algumas canções e distribuindo palavrões em outras, mostrou ali toda sua autêntica rebeldia realizando assim um legítimo show de rock and roll. O show foi gravado diretamente da mesa de som e remasterizado agora em razão do lançamento em vinil. As fitas originais estavam em poder de Sylvio Passos, presidente do maior fã-clube do artista e herdeiro de boa parte do material guardado por Raul. Material esse que foi entregue para Sylvio pelo próprio cantor antes de sua morte para que esse cuidasse de suas raridades

O último lançamento em vinil do roqueiro baiano foi em 1994 (5 anos após a sua morte) com o álbum Se o rádio não toca, também um show retirado do baú gravado no longínquo ano de 1974 em Brasília em razão do lançamento de Gita, o álbum de maior sucesso comercial do músico.

Os melhores vídeos do dia

Já esse novo LP chega para os fãs nesse mês de novembro com uma prensagem limitada de mil exemplares com duas versões: numerados de 1 a 300 o vinil transparente e do 301 ao 1000 o famoso vinil preto. Além de uma capa dupla com diversas fotos, o encarte chega com uma extensa reportagem sobre como Raul vivia na época e entrevistas com os músicos que tocaram ao lado de Raul no festival. 

Para o próximo ano, estão programados outros lançamentos do cantor e compositor em vinil. Metrô Linha 743 chega uma faixa bônus e o também inédito Eu não sou hippie devem chegar as lojas em 2017. Os fãs agradecem.  #Entretenimento #Música #Cultura