"Pode me chamar de Francisco" conta a história do padre Jorge Mario Bergoglio, conhecido mundialmente como Papa Francisco, desde sua vocação patriarcal na Argentina até sua ascensão ao Vaticano, onde se tornou o primeiro papa sul-americano. A minissérie também mostra a vida do Papa Francisco em Buenos Aires durante a ditadura militar argentina.

A produção, que já se encontra disponível na Netflix, é composta por quatro episódios de, em média, 50 minutos cada. Escrita e dirigida pelo italiano Daniele Luchetti, tem o elenco composto por Mercedes Morán, Alex Brendemühl, Muriel Santa Ana e Rodrigo de la Serna e Sergio Hernandez (que interpretam o papa Francisco).

O Papa é pop

Papa Francisco, com certeza, apresenta características diferente dos demais que já ocuparam seu cargo no #Vaticano. Sempre com muito carisma e declarações polêmicas, mas defendendo as minorias, como ao dizer que a igreja católica deve desculpas aos homossexuais, ou quando disse que os padres devem perdoar mulheres que cometeram aborto, ele busca meios de integrar a comunidade cristã e diminuir a segregação entre as pessoas.

Mesmo possuindo uma alta popularidade entre católicos, membros de outras religiões e até mesmo não religiosos, o papa desagrada alguns cardeais do Vaticano, chegando até a ser acusado, no mês passado, de herege.

Toda a confusão se deu início devido à uma carta enviada ao pontífice por quatro cardeais do Vaticano que contestam questões levantadas pelo sínodo (encontro mundial dos bispos).

Os melhores vídeos do dia

No encontro, Francisco colocou em debate a possibilidade de católicos separados voltarem a comungar, o que é proibido atualmente.

Francisco sugeriu a análise caso por caso, com um acompanhamento feito pelo pároco e o bispo da arquidiocese local. O papa se recusou a responder a mensagem enviada pelos cardeais.

Sobre a série

Título Original: Call Me Francis.

Produção: #Netflix

Ano: 2016

Escrito por: Daniele Luchetti.

Direção: Daneiele Luchetti.

País: Itália.

Gênero: Biografia.

Temporadas: 1

Status: Finalizada.

Veja abaixo o trailer!

#PapaFrancisco