Nesta quinta-feira, 26, um tuíte antigo feito pelo apresentador Luciano Huck, da Rede Globo de Televisão, acabou sendo "ressuscitado" por internautas no microblog de 140 caracteres. O motivo é um pedido de prisão enviado ao empresário Eike Batista, considerado foragido da justiça. Além do empresário, a tal mensagem do marido de Angélica citava o ex-governador Sérgio Cabral (PMDB), que está preso. O conteúdo acabou deixando o comunicador da Globo em má situação. O problema é que a mensagem é bem antiga, do ano de 2009. Nela, o apresentador dos sábados da Globo, manda um parabéns especial para Cabral, Eike e o ex-prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes.

Oito anos depois, dos três, apenas um não tem nenhum mandado de prisão a ser cumprido.

Eduardo Paes é o único parabenizado pela estrela da televisão que não está relacionado em nenhum crime envolvendo corrupção ou lavagem de dinheiro. Os internautas, é claro, não perdoaram o marido de Angélica. "Diga com quem tu andas, que eu direi quem és", escreveu uma internauta lembrando a ligação de Luciano com os citados. A tal mensagem do comunicador está incorporada ao final dessa reportagem, mas caso seja apagada, ela dizia o seguinte: "Vale um parabens especial para Eike Batista, Eduardo Paes e Sergio Cabral. Só somando forças é possível construir um Rio mais justo".

No ano em que Luciano escreveu a mensagem, o empresário citado estava em crescimento de seu patrimônio. Ele já acumulava, na época, uma fortuna estipulada eme vinte bilhões de dólares.

Os melhores vídeos do dia

Em 2011, apenas dois anos após o tuíte de Huck, o dono das empresas com 'X' entrou na lista dos dez homens mais ricos do mundo. A lista feita pela Forbes trazia o brasileiro na oitava posição. Também naquele ano, Cabral estava sem grandes problemas em seu governo, ainda no seu primeiro mandato. Tanto ele, quanto Eduardo Paes, acabariam sendo reeleitos.

Até a publicação desta reportagem, a mensagem de Huck tinha mais de três mil compartilhamentos. Veja abaixo a tal mensagem que está irritando muita gente: