O clima no programa "Fofocalizando" não anda dos melhores, principalmente entre os apresentadores Décio Piccinini e Mara Maravilha, que trocaram farpas durante uma pauta da programação. Mara nunca fez questão de negar sua antipatia pelo colega e quem assiste ao SBT já percebeu que isso não vai dar certo.

O ponto alto das agressões verbais ocorreu nesta quarta-feira (1), quando o grupo formado pelos dois apresentadores, além do jornalista Leão Lobo, Mamma Bruschetta e Leo Dia, debatia uma notícia de Carnaval que também deu o que falar na mídia, o assédio moral de Joaquim Lopes a Ticiane Pinheiro.

Publicidade

Os dois discordaram em alguns pontos e a troca de "amabilidades" deixou a todos constrangidos.

Décio ficou alterado achando que a ex-fazendeira estava tentando mudar de assunto referindo-se ao caso Tais Fersoza, abandonada pelo apresentador do "Vídeo Show" Joaquim Lopes com um mês de casada, dando a entender que o assédio a Ticiane era bobagem. "Isso não é nada? Pode não ser nada para algumas mulheres! Para as de bem, é tudo!", disse Décio Piccinini.

Irritada, Mara rebateu que o modo como ele estava falando era bem pior e queixou-se de estar sofrendo agressão psicológica do jornalista.

Em seguida, esbofeteou o próprio rosto exclamando: "Pede pra sair!".

Entendendo a indireta, Piccinini disparou: " Eu não peço para sair. Pediram para eu entrar". O jornalista foi convidado pessoalmente pelo dono do SBT.

Os colegas de bancada ficaram de lado observando o duelo entre os rivais, ao que parece de longa data. Depois, Mamma Bruschetta interveio e pediu que parassem com aquela baixaria sem fundamento. Mara, como se sabe, não tem papas na língua e por onde passa causa polêmica. Prova disso foi sua passagem pela oitava edição de “A Fazenda”, na Record, onde brigou com quase todos os participantes.

Publicidade
Os melhores vídeos do dia

O “Fofocalizando” é, por assim dizer, um programa morno e sem grandes assuntos. Quando apresenta uma novidade é trazida pelo fofoqueiro de plantão Leo Dias, que esquenta um pouco a bancada. A aposta agora fica por conta das brigas entre os apresentadores. Pode dar certo!