Inacreditável! Aconteceu outra polêmica envolvendo #Mariana Goldfarb. E ela nem é a grande vilã, no caso.

Há cerca de dois meses, a atual namorada de #Cauã Reymond envolveu-se numa polêmica com a queridinha da Globo, Marina Ruy Barbosa, por conta de #vestido. Na ocasião, num prêmio promovido pela revista Glamour, Marina seria homenageada como a 'Mulher Bacana' do ano.

Marina chegou com seu próprio look. Um belo vestido feito pela estilista Maria Lúcia Hohan e comprado fora do país, por cerca de R$ 6 mil. Ao chegar para os rituais de maquiagem, um 'passarinho verde' contou a Marina que a namorada de Cauã Reymond, Mariana Goldfarb, usaria um vestido igual ao seu.

A atriz tratou de contactar a diretora do evento, que se comprometeu a desfazer o mal-entendido.

Marina então ficou despreocupada e, quando entrou no salão do evento, os fotógrafos avisaram que Mariana estava usando um vestido idêntico. Marina não teve dúvidas, deu meia-volta e não recebeu sua homenagem.

Cabe ressaltar que o look de Mariana Goldfarb foi cedido pelo evento e o de Marina foi comprado por ela mesma.

Depois do evento, Marina ainda deu um 'gelo' na revista Glamour. Ela teria uma sessão de fotos fora do país e desmarcou o compromisso, alegando incompatibilidade de agendas.

Veja o vestido que foi usado na ocasião pela gata de Cauã Reymond.

Mas, agora, o 'bafão' envolve muito mais dinheiro, mas novamente, um vestido. As redes sociais estão em polvorosa por conta do assunto. A modelo Joana Godinho demonstrou toda a sua insatisfação com o a marca Dior, por conta de uma confusão desagradável,

Joana foi convidada para uma festa na última segunda-feira, 24, na cidade de São Paulo, onde se depara com uma mulher, que depois soube se tratar de Mariana Goldfarb, namorada de Cauã Reymond, usando um vestido idêntico ao seu.

Os melhores vídeos do dia

A festa em questão era um Baile da Amfar (fundação que desenvolve e cuida de pacientes com Aids).

Desta vez, o vestido em questão, da marca Dior, não custava apenas os R$ 6 mil do caso de Marina Ruy Barbosa. O vestido custa nada menos de R$100 mil. Sim, o valor de três carros populares.

E a modelo Joana 'soltou o verbo' no Instagram. Segundo ela, paga-se caro por um vestido esperando exclusividade, e não para se deparar com outra mulher, na mesma festa, usando exatamente o mesmo vestido. Ela chamou a atitude de 'falta de profissionalismo'. Em seu desabafo, ela também decreta a falsa propaganda que afirma que você se sentirá exclusiva com um vestido da marca, e não foi o que ocorreu. Ela isentou Mariana do caso, dizendo que ela também seria vítima da falta de ética, compromisso e honestidade da marca.

E, por incrível que possa parecer, novamente, o vestido de Goldfarb era emprestado pela marca para o evento.