A cada dia que passa, a sociedade brasileira se encontra mais polarizada, politicamente falando, ou seja, um grande número de pessoas acredita que o impeachment sofrido pela ex-presidente Dilma Rousseff não passou de um golpe de Estado barato e que o antecessor de Dilma, Luiz Inácio Lula da Silva, está sendo alvo de perseguição político-ideológica.

Por outro lado, uma outra metade dos brasileiros diz que o que está acontecendo no país é uma verdadeira caça, necessária, à corrupção e aos corruptores.

Esses mesmos brasileiros vêem a figura do juiz federal do Paraná Sergio Moro como um verdadeiro paladino, o qual combate os políticos salafrários, empresários gananciosos e líderes políticos que enganam o fieis.

Enfim, diante desse cenário conturbado no país, é mais do que normal que os indivíduos façam as suas escolhas sobre quem está certo ou errado, e sobre quem pode conduzir a nação a um mar de tranquilidade e prosperidade novamente.

São pessoas comuns que manifestam as suas convicções políticas, mas também personalidades que têm mais chance de serem formadoras de opiniões.

E foi exatamente isso que fizeram as cantoras populares Pepê e Neném na noite do domingo, dia 30 de julho. Vale frisar que praticamente tudo o que diz respeito às duas moças, logo se torna assunto recorrente na mídia pelos mais variados motivos e interpretações.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Jair Bolsonaro LGBT

Provavelmente após o pronunciamento das irmãs, muitas pessoas compreenderam a lei da física de que “os opostos se atraem”, isto é, para alguns críticos de esquerda, elas que são mulheres, lésbicas assumidas e negras, não deveriam, em hipótese alguma, estar apoiando o deputado federal Jair Bolsonaro, pertencente ao PSC-RJ.

O que deixou a muitos em choque no início desta semana é que, para tais críticos, Bolsonaro não passa do principal adversário declarado da classe LGBT junto à Câmara.

Pepe e Neném foram um pouco mais além gravando um vídeo e logo em seguida disponibilizaram as imagens em diversas redes sociais; sendo que, parte do conteúdo da gravação em questão, são críticas às práticas de amor e afeto feitas pelos casais gays em locais públicos.

Conforme as duas moças, que também optaram pela homossexualidade, a rua não deve ser o palco de demonstrações íntimas, as quais deveriam ser expressas somente no interior de um quarto.

É obvio que Jair Bolsonaro pode se valer deste testemunho das famosas e postou o vídeo acima citado em suas redes sociais pessoais, gerando uma enorme quantidade de comentários acerca do tema.

E por falar em web e redes sociais, Pepe e Neném foram um tanto massacradas pela discordância de boa parte dos seus fãs.

Não é à toa, por exemplo, que uma internauta escreveu reforçando que a dupla de cantoras apóia Bolsonaro, mesmo tendo uma delas adotado recentemente uma criança, só que o Bolsonaro é contra a adoção feita por homossexuais. Outro rapaz escreveu que ele está no mundo onde Pepe e Neném apoiam Bolsonaro.

Enfim, a confusão está armada! Não deixe você também de dar a sua opinião e compartilhar o artigo envolvendo o maior número de pessoas possível, nesse que é um assunto que, querendo ou não, envolve cada cidadão deste país.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo