O sucesso da novela 'A Força do Querer' é inegável. Há muito tempo uma novela da nove na Globo não alcançava índices de audiência como a atual trama de Gloria Perez. Com histórias bem amarradas, vilãs autênticas e vidas reais se confundindo com a ficção, o folhetim tem conquistado o público. Não há quem não tenha ouvido falar de Bibi Perigosa, a personagem que se transformou em grande vilã, que é representada pela atriz Juliana Paes. Entretanto, desta vez, a novela está no noticiário, não pelos altos índices de audiência ou pela bela trama.

Desta vez, conforme reportagem publicada pelo TV Foco, um bebê quase veio a óbito, durante as gravações da novela.

Por conta do caso, a Justiça bateu o martelo e definiu a relação da Globo e a exposição de crianças em seus folhetins.

Globo é condenada pela Justiça e não poderá mais mostrar bebês menores de 3 meses

Outras emissoras, além da Globo, costumeiramente usam bebês recém nascidos, principalmente em cenas de parto. Mas agora a história será diferente. Por conta do bebê da personagem de Isis Valverde, Ritinha, ter ficado exposto na água por muito tempo, e bebê contraiu uma gripe que exigiu muitos cuidados e, segundo a colunista Patrícia Kogut, do jornal 'O Globo', a Justiça agiu e impediu que as tramas de quaisquer emissoras, exibam bebês com idade inferior a três meses.

Ainda segundo a jornalista, a proibição da Justiça determinada às emissoras em relação aos bebês teve origem no caso de 'A Força do Querer' e tem como objetivo preservar as crianças com menos de 3 meses. Sabe-se que, nesta fase, a criança ainda está adquirindo anticorpos e proteções naturais contra os microorganismos do ambiente. Até um ar-condicionado pode ser um risco aos bebês nesta fase. Desta forma, a medida visa proteger os pequenos.

No caso do bebê de Ritinha, o problema de saúde aconteceu quando eles ficaram por horas gravando na beira de um rio.

Globo foi acusada de usar bebê grande no parto de Ritinha

O bebê que ficou doente nas gravações da novela 'A Força do Querer', já havia sido motivo de polêmica anteriormente. O pequeno tem 2 meses e foi colocado na cena quando Ritinha teve seu parto. Nitidamente tratando-se de um bebê crescido, a Globo foi muito criticada.

Os diretores tentaram se explicar, mas o fato é que a Globo, em específico, deve passar a usar bonecos realistas nas cenas de parto e quando precisar de bebês menores nas cenas.

Inclusive, o recurso do boneco será utilizado na própria novela 'A Força do Querer'.

Em breve haverá um grave acidente de carro com o bebê de Ritinha e a cena será gravada com um boneco realista.

E então, o que você achou da proibição de bebês de três meses ou menos gravarem Novelas? Comente!

Siga a página Novelas
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!