A edição 2017 do MasterChef Brasil terminou com a vitória da catarinense Michele, que desbancou a favorita Deborah na final, levando troféu de campeã, o prêmio de R$ 200 mil e a bolsa de estudos na escola de gastronomia Le Cordon Blue em Paris. Para muitos usuários da internet, a vitória foi merecida. Para outros, Michele não era merecedora, pois sempre esteve entre as piores da competição. Seja como for, a decisão ficou a cargo dos jurados do programa, os chefs Henrique Fogaça, Paola Carosella e Erick Jacquin, que deram a vitória para a cozinheira considerada "azarão".

Enfim, apesar de ser um "talent show" o programa exibido pela Band não escapou de Polêmicas e foi palco de "tretas" dignas de "reality shows" e programas sensacionalistas da televisão brasileira como "Casos de Família" e "Big Brother".

Algumas das confusões do "Masterchef Brasil" foram exibidas dentro do próprio programa. Propositais ou não, o fato é que o programa rendeu memes e, muitas vezes, foi o assunto mais discutido nas redes sociais.

Às vezes, pelos motivos errados e por conta de cenas lamentáveis para esse tipo de programa, onde o foco é o talento dos competidores na cozinha e nãos as brigas ou fofocas entre os participantes. No entanto, por conta da boa audiência e da paixão dos telespectadores o programa culinário não conseguiu ficar imune à confusões.

Mesmo com o fim do programa, as polêmicas não param. No dia seguinte à final ir ao ar, por exemplo, a chef Bel Coelho, que já empregou vários ex-participantes do programa, reclamou que a campeã da quarta edição "Masterchef Brasil" copiou um de seus pratos e não deu os devidos créditos.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Culinária Masterchef

Em contrapartida, a internet não perdoou o fato da segunda colocada, Déborah, ter preparado três tipos de farofas diferentes na final. E não é para menos, pois a cozinheira colocou farofa até na sobremesa. Muita gente na internet, especialmente no Twitter, questionou se Déborah não sabia fazer outra coisa.

Mas essas polêmicas podem ser consideradas "café pequeno" diante de tantas outras que rolaram na quarta temporada do "Masterchef".

Uma das que mais chamaram a atenção foi a "treta" que rolou entre o chef Henrique Fogaça e a ex-participante Caroline durante a prova de repescagem. O clima ficou tenso quando o jurado questionou a postura da concorrente. Afinal, era visível o desconforto de Caroline durante o programa. Para os telespectadores estava claro que ela estava participando da disputa contra a vontade. Tanto que o chef Fogaça falou com sua característica postura se Caroline poderia ir para casa se quisesse.

Esta, por sua vez, já havia causado polêmica ao questionar os critérios do "Masterchef Brasil" ao ser eliminada e insinuou que a competição era uma "palhaçada".

Os jurados e a apresentadora Ana Paula Padrão, aliás, também não escaparam das polêmicas. Durante a edição que foi ao ar no dia 6 de Junho, e que contou com a participação da cantora Daniela Mercury, o que não faltou foram comentários xenofóbicos sobre a Bahia.

Os comentários sobre a vagarosidade no Twitter oficial do "Masterchef Brasil" e durante a exibição do programa na TV irritou os baianos. Telespectadores e internautas ficaram bastante incomodados com a situação e, claro, usaram as redes sociais para reclamar. Depois da exibição do programa na TV, as falas consideradas racistas por muitas pessoas foram removidas da versão online do "Masterchef Brasil" no canal oficial do YouTube.

E as polêmicas também fizeram o caminho contrário. A internet foi responsável por momentos vergonhosos para o "MasterChef Brasil". Não para o programa em sim, mas por seus fãs. Um deles foi o episódio envolvendo o ex-participante Leonardo, que foi alvo de racismo e usou as redes sociais para reclamar do modo como os negros são tratados no dia a dia. O cozinheiro revelou ter recebido uma imagem no Facebook com vários ex-participantes negros do programa e uma mensagem chamando-os de "lixo" e torcendo para que fossem humilhados e voltassem para a "senzala".

Enfim, foram muitos os momentos em que o "MasterChef" se mostrou ser mais que um simples programa de Culinária. Muitas vezes o "talent show" ganhou ares de folhetim mexicano com brigas, trocas de farpas, acusações e polêmicas. Talvez seja este, e não os pratos refinados, que sejam o motivo do sucesso do programa. Só devemos torcer, no entanto, para que o programa não caia no erro de virar apenas o palco de confusões de participantes, jurados e internautas e continue sendo o celeiro para o surgimento de grandes nomes da gastronomia brasileira.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo