A homossexualidade ainda é um tabu na sociedade brasileira, que insiste em permanecer com uma mentalidade fechada e arcaica, onde não se respeitam a vontade e posicionamento do outro. Algumas novelas, como “A Força do Querer”, escrita por Glória Perez e que está no ar atualmente na faixa nobre da Globo, tenta quebrar alguns paradigmas da sociedade contemporânea em relação aos gays, bissexuais e transexuais.

Na trama, personagens como Nonato (Silvero Pereira) e Ivana (Carol Duarte) sofrem de forma distinta com o preconceito e a descriminação, inclusive da própria família, que não concorda com a orientação sexual ou insatisfação corporal, como é o caso de Ivana, que está se descobrindo transexual.

No entanto, a ficção muitas vezes imita a realidade, que pode ser ainda mais cruel e repressiva. A homossexualidade ainda é escondida na maioria dos casos, pois, as pessoas sentem medo da opinião, repressão e até agressões de homofóbicos, termo usado para designar as pessoas que repudiam a relação afetiva com pessoas do mesmo sexo.

Muitas personalidades famosas acabam tendo ainda mais medo de se assumir, uma vez que a mídia costuma enfatizar esse tipo de notícia e deixa exposta a intimidade do famoso. No entanto, outros não têm medo de colocar sua cara a tapa e encaram com maestria e coragem a sociedade preconceituosa.

É o caso da atriz Bruna Linzmeyer, que interpreta a personagem Cibele na novela “A Força do Querer”. Ela assumiu seu namoro publicamente com a cineasta Kity Féo e já foi alvo várias vezes de comentários homofóbicos.

No entanto, a atriz revelou ao jornal “Folha de S.Paulo” que não costuma dar importância a esse tipo de comentário e que não está nem aí para a homofobia.

Já o ator Marcos pigossi, que é colega de elenco de Bruna Linzmeyer, interpretando Zeca, é um dos protagonistas da trama e que faz par romântico com Jeiza (Paolla Oliveira). Ele é constantemente apontado pela imprensa como gay, mas o ator nunca confirmou a veracidade das informações.

Porém, o galã é pouco clicado acompanhado de alguma namorada.

Em 2016, uma notícia de que ele havia assumido a homossexualidade repercutiu nas redes sociais. Entretanto, Marcos Pigossi foi enfático ao dizer que a notícia não passava de boatos e que ele nunca falou à imprensa sobre sua sexualidade. O artista até explicou na época que notícia circulou estava na Europa e não havia dado nenhuma entrevista nos últimos dias.

Além disso, ele se disse preocupado com a falta de tolerância e humanidade da sociedade em que vivemos.

Siga a página Novelas
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!