O ator Jesuíta Barbosa, há muito tempo vem tendo sua sexualidade questionada por fãs e por internautas que volta e meia o chamam de gay. Para finalizar as especulações, o jovem ator de apenas 26 anos resolveu falar sobre o assunto. Entrevistado pela revista Veja nesta semana, ela afirmou que não curte muito falar sobre o assunto abertamente, nem fatos relacionados a sua vida pessoal, mas não vê problemas ao falar que poderia ficar com pessoas de quaisquer dos gêneros.

Publicidade
Publicidade

Na realidade, o ator preferiria não precisar colocar sua sexualidade à tona, mas como sabe que o assunto desperta sempre muita curiosidade do público falou para um grande canal de comunicação, que assim, consegue esclarecer a questão de muitas pessoas ao mesmo tempo.

Jesuíta Barbosa é gay?

Segundo ele, a intimidade de cada um deve ser tratada de maneira reservada. Mas, como perguntado pela revista, ele disse que prefere não se rotular. Em sua visão: 'Não sou nem gay nem hétero, simplesmente, sou uma pessoa livre de qualquer bloqueio ou rótulo sexual", afirma Jesuíta Barbosa.

Para ele isso nunca foi uma questão. Seguir os padrões da tradicional família brasileira, é ultrapassado e engessado, apesar dele respeitar.

Jesuíta também não gosta de falar sobre o assunto família. Em uma breve busca na internet por assuntos de foro íntimo do ator, muito pouco pode ser encontrado. Ele prefere que seja assim, reservado, sem se expor muito e sem expor sua família.

Ainda sobre o assunto sexualidade, ele garantiu que acha legal e bonito que pessoas coloquem suas vidas pessoais em função de algo maior, ou que prefiram expor seus momentos felizes.

Publicidade

Mas este não é seu caso. Ele prefere não falar sobre sua família e nem com quem anda se relacionando. Em sua visão, ele é um jovem livre e pode ficar com quem bem entender. "Sou livre e fico com quem eu quiser, sejam homens ou mulheres, não importa, prefiro não estar bloqueado para o assunto", assumiu o ator que pela primeira vez falou abertamente sobre sua sexualidade.

Ideia de sexualidade da sociedade é um tanto deturpada

Para Jesuíta Barbosa, a ideia de sexualidade tradicional da sociedade, é defasada e um pouco deturpada.

A necessidade de ser enquadrado em padrões torna o ser humano, preso, e ele quer ser livre, por isso não se enquadra em rótulos. Quando perguntado se ele seria bissexual porque ficaria com meninos e meninas, ele deu uma resposta categórica: 'Não preciso ser nem gay nem hétero, sou um ser humano livre e feliz', finalizou o ator.

Concorda com Jesuíta, que a sociedade e muito engessada e arcaica quando se fala de sexualidade? Comente!

Leia tudo