Nas próximas fases da novela “O Rico e Lázaro”, da RecordTV, a rainha Amitis (Adriana Garambone) será a próxima a morrer, e cairá nas mãos da conspiração criada pelo oficial Nebuzaradã (Ângelo Paes Leme) e da sua esposa Sammu-Ramat (Christine Fernandes), a ex-sacerdotisa.

O plano dos bandidos é usurpar o trono do rei Evil-Merodaque (Kayky Brito), exterminando o filho de Nabucodonosor (Heitor Martinez) com ajuda dos soldados incentivados por Sammu e o chefe da Guarda Real com o pensamento de que Evil é um traidor.

Sammu-Ramat forma família

Desde jovem, quando Sammu-Ramat (Júlia Megessi) era apenas uma ajudante adolescente na Casa da Lua, matou uma jovem nas ruas da Babilônia, que partia com o pai para ser uma sacerdotisa no templo de marduk.

A menina ambiciosa desejou o posto mais alto da Babilônia e se casou com o rapaz Nebuzaradã (Bruno Daltro), na época, somente um jovem soldado da Guarda Real do rei.

Após alguns anos, Sammu-Ramat voltou como sacerdotisa e encantou os olhos do rei Nabucodonosor, mexendo com os ciúmes da esposa real Amitis da Média. Porém, Sammu-Ramat estava de olhos em Nebuzaradã e assassinou a princesa Kassaia (Pérola Faria), para lhe tomar o marido da princesa.

Após os sete anos de Nabucodonosor como animal na floresta, Sammu deixa o sacerdócio e casa com Nebuzaradã. A vilã consegue um filho chamado Labashi-Marduk (Diogo Caruso) para o marido, mas o pai verdadeiro do menino é o irmão dele, o soldado Rabe-Sáris (Gustavo Leão).

Armação dos bandidos contra a rainha

Porém, Sammu ainda deseja o trono da Babilônia para o seu marido Nerbuzaradã, mas precisa destruir Evil, nesta altura já será o rei da Babilônia, e sua mãe, a rainha Amitis, que assumirá mais responsabilidades após a morte do marido Nabucodonosor. Amitis se torna uma conselheira poderosa para o filho Evil.

Sabendo disso, Sammu vê que é necessário colocar o Exército babilônico no lado do chefe da Guarda Real e assim exterminar o rei e sua mãe.

Sem o rei bondoso perceber, Sammu e Nebuzaradã trabalham durante o reinado de Evil para conquistar o máximo de soldados babilônicos para o lado deles.

Morte da rainha Amitis

No dia da rebelião, a rainha Amitis sente que o perigo está por perto, quando percebe que a ex-sacerdotisa está tramando algo e ordena que a princesa Nitócris (Sthefany Brito) fique trancada no quarto.

Desconfiada também da ex-sacerdotisa, a filha de Amitis sente que possa acontecer algo ruim com a sua mãe e fica desesperada. Nitócris bate na porta e grita pedindo que os soldados a soltem imediatamente.

A mãe de Belsazar (Marcelo Arnal) pede que Hurzabum (Rafael Almeida) abra a porta e o flautista diz que são ordens da mãe dela. Nabonido (Augusto Garcia) confirma que a rainha falou que era a proteção da princesa, mas Nitócris não aceita a situação.

Depois de uma boa espera, Sammu-Ramat abre a porta dos aposentos da princesa e Nitócris pergunta logo pela mãe. Nitócris diz que é filha de Nabucodonosor e precisa vê a mãe. Sammu avisa, que agora, a princesa está diante da nova rainha da Babilônia, e que o irmão e a mãe dela partiram para outro mundo, de onde não podem voltar.

Nitócris corre para os aposentos do pai e avista a mãe morta ao lado do irmão Evil na cama, um do lado do outro. A princesa fica em pranto e pede que ela volte, pois a ama e chama pelo irmão, que não responde. Enquanto isso, Nebuzaradã senta no trono após matar o rei Evil e a rainha mãe.

Quando Nebuzaradã crava uma espada no peito de Evil, Amitis o amaldiçoa e tenta ajudar o filho com uma faca que pegou na roupa do filho e tenta acertar o ex-marido de sua filha falecida Kassaia. Mas, o assassino Nebuzaradã é mais rápido e mata a rainha Amitis.

A cena comovente da morte de Amitis e de seu filho na novela “O Rico e Lázaro” ainda não tem data oficial para ser exibido na tela da emissora paulista, mas provavelmente seja no final de setembro para outubro, o mês das crianças.

Confira no vídeo abaixo, a morte do neto da rainha Amitis e o banquete de Belsazar:

Siga a página Novelas
Seguir
Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!