O músico gaúcho conhecido por sua participação na banda Fresno deixou muitos de seus seguidores totalmente irritados e inconformados com o comentário, no mínimo infeliz, que fez sobre a morte do jornalista Marcelo Rezende neste sábado (16).

Em seu Twitter, Esteban Tavares demonstrou insatisfação na decisão que o jornalista havia tomado ao descontinuar o tratamento de seu câncer com quimioterapia, preferindo acreditar na cura divina e baseando seu tratamento em uma dieta específica.

Esteban Tavares criticou decisão de jornalista em seu Twiter

Após a divulgação da triste notícia sobre o falecimento do jornalista Marcelo Rezende, de 65 anos, conhecido por seu bordão "Corta pra mim", o ex-Fresno Esteban Tavares criticou a decisão que Rezende havia tomado de simplesmente deixar de tratar do câncer com a quimioterapia.

Logo, muitas pessoas passaram a dar respostas um tanto quanto incomodadas com o que o músico escreveu. Diversos comentários em seu post criticaram a atitude do músico, que nem mesmo em um momento tão delicado mostrou respeito pelos milhares de fãs do jornalista que lamentam a perda juntamente com seus amigos e familiares.

Esteban responde aos comentários em seu Twiter

O músico respondeu alguns comentários que foram postados em seu Tweet, onde ao mesmo tempo em que procurou uma forma de se retratar, deixou claro que a opinião dele sobre o assunto não mudou em momento algum.

Esteban Tavares é ateu, e por essa razão não enxerga nenhuma lógica na atitude do jornalista que preferiu deixar o tratamento médico que tem fundamentos científicos para aguardar uma cura divina.

Irritado, Esteban diz para incomodados deixarem de seguir seus posts

Devido ao grande número de críticas que recebeu, o músico resolveu desabafar: "Existe o 'unfollow'".

Novamente, muitos continuaram criticando atitude do músico, considerando que a mesma foi totalmente infeliz e desrespeitosa para com Marcelo Rezende.

Médicos condenaram decisão de Marcelo Rezende

Segundo os médicos que trataram do caso de Marcelo Rezende, sua decisão de abandonar o tratamento tradicional para a doença foi totalmente condenada devido ao tratamento alternativo adotado pelo jornalista à base de uma dieta cetogênica não ter nenhuma base científica que comprove a sua eficácia.

Ao desistir da quimioterapia, o paciente tem muito mais chances de ter uma metástase - situação em que o câncer se espalha para demais áreas do corpo - e o quadro clínico pode piorar muito, colocando sua vida em risco, assim como aconteceu com o apresentador do "Cidade Alerta".

Siga a página Famosos
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!