A série Game of Thrones da HBO alcançou níveis incríveis de audiência em sua sétima e penúltima temporada. Também pudera, com a conquista de novos fãs a cada dia, o trabalho da HBO se consagrou como um dos mais bem feitos e mais amados de todos os tempos.

A sétima temporada trouxe várias revelações e desfechos, como a junção de forças de Jon Snow (Kit Harington) e Daenerys Targaryen (Emilia Clarke), a gravidez e novos planos de Cersei (Lena Dunham) e também os atos de Sansa (Sophie Turner) no Norte, ao lado dos irmãos Bran (Isaac Hempstead-Wright) e Arya (Maisie Williams).

Porém um detalhe que chamou a atenção no final da temporada foi o fato de que um dos filhos dragões de Daenerys foi morto pelo Rei da Noite. E o pior: Viserion, o dragão em questão, foi revivido de maneira que passou a integrar o exército dos mortos - o que é um reforço e tanto para eles.

Correntes e teorias

O que deixou muita gente incomodada foi a maneira com que Viserion foi tirado do mar. Como vimos na série, os mortos não nadam (o que ficou claro na cena em que Jon Snow e sua trupe ficaram literalmente ilhados no gelo).

Os fãs começaram a se questionar se os White Walkers (os mais poderosos, criados pelas Filhas da Floresta, popularmente de olhos azuis e chamados de Caminhantes Brancos) é que mergulharam no local para prender correntes do corpo do dragão.

Apesar de incomodar muita gente, ninguém deixou de notar que Viserion agora possui olhos da mesma cor que os Walkers, o que levou um fã no Twitter a levantar uma teoria.

Teria ele poder de matar seus outros dois irmãos agora?

A questão foi levantada pelo americano Neil deGrasse Tyson, que é astrofísico: "O sopro do dragão azul seria três vezes mais quente que o sopro vermelho [dos outros dragões]".

Na primeira temporada, Daenerys Targaryen diz que "Fogo de dragão não pode matar outro dragão".

Mas Viserion não é mais como os outros, então, em tese, ele poderia ser capaz de matar não apenas seus irmãos, como sua mãe - que também não pode ser queimada de maneira comum.

Quanto às correntes polêmicas, Tyson também tem uma reclamação: "Puxar um dragão de um lago? As correntes precisariam estar retas e não fazendo curvas sobre uma colina e um vale".

Se considerarmos o estrago feito na Muralha no último episódio da sétima temporada, Viserion está mais poderoso do que nunca.

O que isso significa para Daenerys e os outros dois dragões o espectador só vai descobrir em 2019, ano previsto para a estreia da última temporada.

Siga a página Game Of Thrones
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!