Já se foi o tempo em que artistas eram conhecidos por estampar seus rostos somente na televisão. Com o crescimento da internet, diversas pessoas passaram de simples anônimos para estrelas mundiais, praticamente da noite para o dia, e um dos meios mais comuns de largar o anonimato e virar uma estrela é através do YouTube. Porém a fama pode trazer alguns pontos negativos. Considerado a maior estrela do YouTube mundial, o sueco Felix Kjellberg, mais conhecido como PewDiePie, usou um insulto racial durante um jogo de video game que era transmitido ao vivo.

PewDiePie é o youtuber que mais faturou com a plataforma de vídeos na história. O jovem tem mais de 57 milhões de inscritos e mais de 16 bilhões de visualizações no seu canal.

Jovem sueco disse palavra que deprecia os negros durante um jogo que era transmitido ao vivo

O sueco, de 27 anos, pôde ser ouvido usando o insulto racial enquanto ele estava jogando um video game durante uma transmissão ao vivo.

Segundo os comentários, ele teria dito a palavra 'crioulo' para xingar um oponente durante o jogo, rapidamente PewDiePie tentou controlar a situação pedindo desculpas, e que não era de maneira nenhuma a intenção dele deixar alguém ofendido com o que fora dito.

Essa não é a primeira polêmica envolvendo o youtuber

Felix Kjellberg foi o primeiro artista no Youtube a ultrapassar a impressionante marca de 10 bilhões de visualizações na plataforma.

Para se ter uma ideia do sucesso de Felix, somente no ano passado ele faturou 15 milhões de dólares do Youtube. Famoso por usar palavrões e piadas rápidas nos seus vídeos, PewDiePie já se envolveu em outras polêmicas desde que se juntou à plataforma em 2010.

Piada com discurso anti-semitismo fez com que Felix Kjellberg perdesse o muito dinheiro

Em um dos seus vídeos, PewDiePie usou uma plataforma chamada Fiverr, que oferece a qualquer pessoa interessada 5 dólares em troca de algum tipo de serviço.

Para provar como a plataforma era idiota, ele decidiu pagar os 5 dólares a 2 indianos para segurarem um cartaz que dizia 'morte para todos os judeus'. Logicamente que a brincadeira não deu certo, além de receber uma verdadeira enxurrada de comentários negativos, Felix acabou perdendo seu contrato com a Maker Studios, uma subsidiária da poderosa indústria de produções Disney, que trabalha unicamente com youtubers e criadores de conteúdo na internet.

Não bastasse isso, ele ainda perdeu a segunda temporada do programa 'Scare PewDiePie', no YouTube Red.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo