O capítulo mais importante da fase final da novela "O Rico e Lázaro" é a passagem bíblica de Daniel na cova dos leões. Este capítulo especial talvez seja superado somente pelo capítulo final quando o homem rico vai para o inferno e o mendigo Lázaro entra no Reino dos Céus, após a morte de ambos.

Para o capítulo especial de "O Rico e Lázaro" na cova dos leões, a Record contratou o ator Breno de Filippo para assumir o papel do rei Dário, o capitão do Exército Medo e filho de Assuero, rei da Pérsia.

Muita gente se enganou achando que era o rei Nabucodonosor (Heitor Martinez) que jogava Daniel na cova dos leões, mas o marido de Amitis (Adriana Garambone) morre muito antes desde acontecimento.

Reinado de Dário

Na novela bíblica de Paula Richard, o capitão Dário e seus soldados tomarão o reino da Babilônia e matarão o rei Belsazar (Marcelo Arnal), filho de Nitócris (Sthefany Brito), após o soberano babilônico realizar um banquete e zombar do Deus dos hebreus por usar utensílios sagrados do templo de Jerusalém.

Após a conquista, Dário assume o trono babilônico e inicia o Império Neobabilônio. O novo monarca divide as suas responsabilidades para 120 sátrapas e coloca três supervisores, um dos quais é Daniel (Gabriel Gracindo).

Porém, como o Senhor Deus estava com o profeta Daniel, o líder hebreu se destacou entre todos os supervisores do reino. Dário, por sua vez, desejava colocar Daniel no cargo acima de todos, criando assim uma inveja entre os inimigos do hebreu. Estes procuram uma falha do profeta, mas não encontraram nada contra o homem de Deus, a não ser algo contra a sua fé no Único Deus.

Vai ficar por fora de assuntos como este?
Clique no botão abaixo para se manter atualizado sobre as notícias que você não pode perder, assim que elas acontecem.
Novelas Televisão

Com isso, todos os sátrapas, prefeitos, conselheiros e governantes pressionaram o rei Dário a assinar um decreto de trinta dias, em que ninguém poderia adorar nenhum deus e nenhum homem a não ser o rei, ou então seria lançado na cova dos leões. Tudo porque estes homens sabiam que Daniel orava todos os dias ao seu Deus.

Cova dos leões

Os inimigos de Daniel o vigiaram e o encontraram conversando com o Deus de Israel. Os invejosos imediatamente procuram o rei e o fizeram lembrar-se do decreto real que estava em vigor.

Dário confirmou a lei e os homens acusaram Daniel como um infrator, por estar orando três vezes ao dia ao seu Deus.

Dário ficou muito chateado quando ouviu as palavras dos acusadores e decidiu livrar Daniel da acusação até encontrar uma solução até o fim do dia. Mas os inimigos de Daniel novamente se levantaram contra o homem de Deus e disseram ao rei que, de acordo com a lei dos medos e dos persas, nenhum decreto real pode se modificado ou alterado. Sem alternativas, Dário ficou completamente obrigado a lançar Daniel na cova dos animais ferozes e ordenou que o buscassem, dizendo ao profeta que o Deus dele possa livrá-lo. Desde modo, Daniel foi jogado na cova dos leões e os soldados taparam a boca do local.

O livramento

O rei Dário porém não conseguiu dormir a noite toda. Deus enviou um Anjo e tapou a boca dos leões, que ficaram mansos com a presença do ser sobrenatural. Ao amanhecer, Dário foi à entrada da cova e o chamou por servo do Deus Vivo e lhe perguntou se o Senhor o livrou dos leões.

Lá de dentro da cova, Daniel respondeu positivamente e o rei ordenou que tirassem o hebreu do grande buraco. "Deus me enviou um Anjo que fechou a boca dos animais, pois achou inocência na minha pessoa e justo diante do rei", revelou o profeta que decifrou os sonhos de Nabucodonosor.

As cenas exclusivas de Daniel na cova dos leões estão previstas para serem exibidas na reta final da trama bíblica adaptada por Paula Richard.

Confira o vídeo abaixo sobre a provável data do último capítulo da novela "O Rico e Lázaro":

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo