Que a Globo passa por uma reformulação em seu jornalismo, dramaturgia e esportes, você já sabia. Quem não se lembra de Bruno Laurence e Luís Ernesto Lacombe que foram demitidos com mais de 20 anos de casa. O último, inclusive, reapareceu fazendo um belo trabalho apresentando (e passando perrengue) no reality extremo da Band, o 'Exathlon'. Já Bruno assinou com a Fox Sports mas saiu apenas três meses depois.

Desta vez a reformulação atingiu mais de 40 profissionais, alguns com muitos anos de casa e já bem conhecidos do público. É que o Grupo Globo está unificando as suas operações e agora profissionais do Sportv, Globo e globoesporte.com farão parte de um pool de jornalistas, redatores e repórteres que trabalharão para todos os projetos da casa. Para quem não se lembra o site EGO! saiu do ar pelo mesmo motivo. A Globo agregou algumas pessoas no Gshow e mandou um monte de gente embora.

Em tempos difíceis, quem mantém o emprego acaba ficando grato.

TV Globo demite 40 do departamento de esportes e inclui até diretores e profissionais com mais de 20 anos de casa

Como dito, o objetivo da Globo é evitar as sobreposições de cargos nas várias frentes da emissora. Quem trabalha no SporTV, agora pode trabalhar na Globo ou nos sites de esportes. E assim será com todos os veículos da emissora.

O comunicado foi feito nesta segunda-feira, 16, e conforme revelado pelo blog de Maurício Stycer, todos já foram comunicados.

O jornalismo é o responsável agora por toda a área de esportes e o chefão da área é o herdeiro Roberto Marinho Neto. Ele conta com três diretorias: conteúdo, negócios e planejamento. César Seabra foi o primeiro a saber da demissão. Ele era o diretor de esportes de São Paulo e já estava há mais de 20 anos na casa. Vanessa Riche e Rivelino Teixeira, foram outros nomes confirmados pela coluna do UOL.

Já no site TV Foco também foram confirmadas as demissões de Marco Aurélio Souza e Renato Peters, e até o comentarista do SporTV Carlos Cereto,

Já o 'Na Telinha',confirmou as seguintes demissões: Marcos Carvalho, Pedro Motta, Cynthia Martins e Gustavo Machado, todos do SporTV.

Já Eric Faria parece ter posição firme na emissora, já que ele já se adaptou ao novo projeto e já começou a fazer aparições no SporTV.

O que a Globo diz?

A emissora não confirmou o número de demissões, mas confirma que está fazendo um trabalho de integração entre as plataformas e canais de TV Aberta e TV a cabo no Brasil cirando uma visão sinérgica [que afeta cargos e pessoas]. Mas vale lembrar que trata-se de uma empresa privada.

Repercussão pela internet

Muitos internautas não concordam com essas reformulações na Globo. Alguns nomes sempre muito queridos do brasileiro acabam deixando as telas e às vezes nem mesmo conseguem um novo emprego, dada a crise e o enxugamento das empresas.

Mas vale lembrar que trata-se de uma empresa privada.

Não perca também: A Força do Querer: vazaram fotos de Ivan tomando banho de mar sem camisa; veja

Mais demissões: Dudu Camargo é demitido por faltar ao trabalho e por não dar audiência

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo