A atriz e humorista Márcia Cabrita morreu na manhã desta sexta-feira, aos 53 anos. Ela estava internada há dez dias no hospital Quinta D'Or, na Zona Norte do Rio de Janeiro, devido ao agravamento de um câncer no ovário que foi diagnosticado em 2010.

Conhecida nacionalmente por ter interpretado, na sitcom "Sai de Baixo" (1997), a empregada Neide Aparecida, a atriz começou sua carreira em 1992 na minissérie "As Noivas de Copacabana" e posteriormente integrando o elenco de "Os Trapalhões".

Participou também de novelas e séries como "Brava Gente" em 2001, "Desejos de Mulher" em 2002, "Sete Pecados" em 2007, "A Grande Família" em 2009/10, "Morde & Assopra" em 2011 e "Pé Na Cova" em 2013, além de ter interpretado na série "Trair e Coçar, é só começar" (Multishow) a personagem Inês e no filme a coadjuvante Vera.

Seu último trabalho foi na novela "Novo Mundo", na qual faria a personagem Germana, mas fora substituída na produção pela atriz Vivianne Pasmanter, para cuidar de sua saúde, já que a direção decidiu poupá-la de gravações externas e só no capítulo 60 ela ganha um novo papel, Narcisa Emília, esposa de José Bonifácio de Andrada.

Durante o tratamento foi submetida a uma cirurgia para a retirada dos ovários e do útero, iniciando em seguida a quimioterapia.

A atriz, nascida em 20 de janeiro de 1964, em Niterói, deixa uma filha de 15 anos.

Amigos e colegas de trabalho, usaram as redes sociais para se despedir da humorista.

A atriz Cacau Protásio escreveu: "Amiga Vai com Deus, eu tive o prazer, à alegria, a sorte de trabalhar, conviver, contracenar com você (...) Descanse Em Paz".

Ao lado de Márcia Cabrita, integravam, até 2016, o elenco da sitcom "Trair e Coçar, É Só Começar", as personagens centrais da história, Olímpia e Inês, respectivamente. Na série, as trapalhadas da empregada Olímpia acabam afetando a vida de seus patrões Inês e Eduardo (Cássio Scapin).

O humorista Paulo Gustavo, com quem Márcia contracenou em "Vai Que Cola" (Multishow), também fez questão de homenagear a amiga: "Ela era o máximo!

Uma excelente comediante e excelente amiga! No palco era mãe do Valdomiro Lacerda em Vai que cola , na vida real era uma amiga hilária e muito querida! Marcia vou sentir muita saudade das nossas risadas! Que Deus te leve pra um lugar tão especial quanto você foi aqui pra nós! ".

A atriz Ingrid Guimarães também publicou uma foto com a legenda: "Essa foi quando a gente se conheceu no fillme da @angelicaksy e ela me convenceu a ser mãe rápido.

Depois disso tantos encontros hilários.. vou sentir falta das suas tiradas espirituosas sobre a vida. Vai com Deus Marcinha".

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo