No dia 25 de novembro, Day McCarthy fez um vídeo falando mal da filha do casal Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank.

McCarthy começa reclamando das críticas que tem sobre sua aparência e em seguida começa a fazer declarações racistas sobre a filha do casal bruno gagliasso e Giovanna Ewbank de apenas 4 anos.

Entre suas declarações, a mesma diz: A menina é preta, tem um cabelo horrível de pico de palha e um nariz de preto, horrível, e o povo fala que a menina é linda? Aí essas mesmas pessoas vêm ao meu Instagram me criticar pela minha aparência?”.

O vídeo repercutiu em todas as redes sociais e causou indignação nos internautas

Outros casos em que envolvem McCarthy

Não é a primeira vez que Day declara algumas de suas "opiniões" em redes sociais.

A mesma já falou mal da filha de Ticiane Pinheiro e Roberto Justus, comparando a criança, de apenas 9 anos, com o boneco assassino Chucky.

Na época, sua conta no Instagram foi deletada porém, segundo McCarthy, foi ela mesma quem desativou por um tempo.

“Brasileiro quer processar tudo, mas eu moro no Canadá e o Justus não tem cidadania canadense. Pra ele vir aqui me processar, ele teria que ter a cidadania. E outra: as leis aqui e no Brasil são diferentes. Eu achar a Rafaella Justus feia não é crime, tá? Ela é feia, tem um metro de testa, olho torto, e daí? Eu também sou feia. As pessoas me chamam de feia e é ‘ok’, mas chamar a menina de feia não é ‘ok’. Esse povo puxa muito o saco de famoso. Vocês acham ela a cara do Chuck mas não têm coragem de falar.

Mas eu tenho”, declarou ela pelo Snapchat.

“Isso porque a Ticiane deu o golpe em velho. Filho de velho nasce com doença”, continuou.

Reações do público

No Twitter, as pessoas demostraram sua indignação sobre essa socialite e pedidos de denúncia.

Bruno Gagliasso postou em seu Instagram uma foto com a legenda: "Por você, por mim, por nós...

#antirracista".

A mãe de Titi, Giovanna Ewbank afirmou que está tomando as devidas providências perante a lei sobre este assunto. Bruno e Geovanna já processaram outras pessoas por atacarem a filha com comentários racistas nas redes sociais.

No Brasil, existe a Lei 7.716 que determina a pena de reclusão a quem tenha cometido atos de discriminação ou Preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional.

Não se sabe até o momento o que acontecerá com a socialite e se será julgada por crime racial ou não.

Deixe seu comentário sobre o assunto, sua opinião é muito importante!

Não perca a nossa página no Facebook!