A internet foi tomada por notícias sobre Day McCarthy nos últimos dias, após a socialite ganhar uma Fama negativa depois que um vídeo dela foi publicado nas redes sociais. A socialite ficou conhecida por atacar uma criança que possui a pele negra. A menina foi chamada de ‘‘macaca’’ por Day, que atacou Titi, filha dos Famosos Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso.

Publicidade
Publicidade

A internet se uniu para banir Day McCarthy das redes sociais, e pode ser que milhares de denúncias ao Instagram que tenham tirado a sua conta do ar, que estava prestes a completar 900 mil seguidores. A socialite é polêmica em suas declarações racistas e de ódio, algo ainda bastante disseminado entre os brasileiros.

Nem mesmo ela ter vivido em outros países fez com que a brasileira tivesse uma visão mais plural. Atualmente, Day McCarthy vive no Canadá, e o país é conhecido por ter políticas públicas de atração para imigrantes, sobretudo os negros.

Notícia que começou a se espalhar pela web de que PCC estaria oferendo recompensa pela cabeça de Day McCarthy é boato
Notícia que começou a se espalhar pela web de que PCC estaria oferendo recompensa pela cabeça de Day McCarthy é boato

Mas parece que a internacionalização da vida da socialite brasileira aconteceu após ela começar a se prostituir no Rio de Janeiro. Também foram divulgadas notícias que relatam que Day McCarthy já esteve presa nos Estados Unidos.

Socialite teria sido citada em pedido de recompensa de uma facção criminosa brasileira

Mas não é esse o maior alarde que surgiu nas redes sociais após o vídeo da socialite, que nasceu no Espírito Santo, começar a circular na internet.

Publicidade

Além de Titi, Day McCarthy falou sobre a estrela Anitta e alegou que a diva gosta de usar cocaína. A mulher afirmou que possui um vídeo da cantora utilizando a droga e que poderia publicar o material a qualquer momento na internet.

Isso fez com que a repercussão sobre o caso fosse ainda mais viralizada. Foi depois disso que surgiu uma publicação nas redes sociais falando que uma famosa facção criminosa brasileira estaria pagando R$ 50 mil pela cabeça de Day McCarthy.

Publicação que oferecia dinheiro para que Day McCarthy fosse morta era falsa

A publicação falava que o grupo havia publicado um vídeo na deep web oferecendo o dinheiro para aquele que executasse a socialite. No texto, a facção criminosa fazia menção ao racismo praticado por Day McCarthy, que atacou uma criança negra em seu vídeo. Mas a publicação tinha origens duvidosas e nenhum veículo de comunicação com credibilidade publicou a nota, que seria do Primeiro Comando da Capital (PCC).

Publicidade

Outra suspeita que coloca em xeque a publicação é que o PCC nunca fez nenhum tipo de ameaça contra alguém que publicou blasfêmias na internet. Quem fez a constatação sobre o caso e revelou que pode ser falsa a notícia foi o site Boatos, que contou sobre o pedido do PCC oferecendo recompensa pela morte de Day McCarthy. O boato foi publicado por outros sites posteriormente.

Prints de publicações de Day que geraram onda de revolta e repúdio na internet:

Leia também:

‘A queda é feia’: irmã de mulher que atacou Titi faz desabafo e pede um favor

Passado sombrio e chocante é revelado sobre mulher que ofendeu Titi na internet

Leia tudo