Foi na manhã desta segunda (27) que o ator da Globo, Bruno Gagliasso, foi até a delegacia para denunciar um crime. Segundo ele, sua filha Titi, de 4 anos, foi cruelmente ofendida na internet. Tais ofensas, que foram racistas, partiram de um Vídeo publicado na web por uma socialite chamada Day McCarthy.

Deixando tudo bem claro, o ator disse que denunciou o tal vídeo e que nenhuma ofensa racista feita contra a sua filha será deixada para trás e a autora não ficará impune.

Publicidade
Publicidade

Fazendo justiça

Em entrevista quando saía da delegacia, Bruno afirmou que a autora do crime não se encontra no Brasil, mas mesmo assim, a criminosa será punida, pois ela cometeu um crime. Ela pode estar em qualquer lugar do mundo que terá que responder pelo que fez, isso, de acordo com o que disse a delegada que acompanhou o depoimento do ator.

O ator ainda disse que a polícia já tem as informações necessárias para pegar a autora do vídeo que contém as agressões e, por isso, ele já tem a certeza de que ela irá pagar pelo que fez.

Para fazer a queixa, Bruno foi até a Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), que se situa na Zona Norte do Rio.

Publicidade

A prova do crime

O vídeo feito pela socialite foi publicado nno sábado (25). A brasileira, que atualmente reside no Canadá, se define como escritora e nas imagens resolveu fazer críticas ofensivas a Titi. E ao que tudo indica, agora ela terá que responder por crime de injúria racial e difamação.

Depois de prestar queixa na delegacia, o ator fez um apelo para que todas as pessoas, que assim como ele, se sentirem alguma vez ofendidas pela internet, tomem coragem e também denunciem seus agressores.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Famosos Relacionamento

Segundo ele, esse tipo de crime acontece todos os dias e cabe as vítimas, denunciar para fazer diferença neste mundo.

Para Bruno, quando Titi, filha dele junto com Giovanna Ewbank, estiver maior, ela mesma vai poder se defender de tais agressões e ele, como pai, vai estar sempre a acompanhando. Ele contou que essa não foi a primeira vez que ela passou por isso e que sabe que não será a última, mas ela será forte para aguentar isso, pois será bem instruída.

As consequências

Pelo que explicou a delegada Daniela Terra, a responsável pelo crime será intimada, a legislação que será aplicada é a brasileira e o processo seguirá com a ajuda do Ministério da Justiça. Segundo a advogada de Bruno, mesmo a autora não estando no país, medidas cabíveis para inibir atitudes criminosas em relação as injúrias poderão ser tomadas contra ela.

Essa não foi a primeira vez que a socialite Day McCarthy ataca um filho de um famoso.

Publicidade

Já há um bom tempo, ela vem postando vídeos onde se mostra preconceituosa e racista. Um exemplo, é uma dessas publicações na qual ela fala mal da filha do apresentador Roberto Justus.

Essa também não foi a primeira vez que o ator da Globo foi até a delegacia para fazer esse tipo de denúncia. Em 2016, a sua filha também foi ofendida pela internet e ele chegou a fazer o mesmo tipo de queixa. Agora, o que Bruno Gagliasso e muitos dos seus fãs esperam, é que a justiça seja feita e que Day McCarthy e outros que pensam iguais a ela, paguem por tudo o que fizeram, assim quem sabe, aprendam a não serem tão preconceituosos e racistas.

Publicidade

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo