O ator Domingos Montagner foi um grande ator da televisão brasileira. Com sua alegria, o ator de circo conquistou os palcos e, logo em seguida, as telas da TV e do cinema. Todos achavam que, por suas origens, o mestre iria fazer história no humor, mas Montagner se apresentou como um ator de múltiplos papéis, reinventando-se a cada personagem. Domingos era conhecido pela sua entrega ao trabalho; ninguém diria que ele viria a falecer por causa de um trabalho, no rio onde estava sendo contada a história do personagem que ele interpretava, Santo.

A tragédia e a morte de Domingos Montagner

O ator estava em cena com a novela ‘Velho Chico’, uma trama que contava histórias e lendas do Sertão Brasileiro, envolvendo o Rio São Francisco e a agricultura. Seu personagem, Santo, era um homem bom, que lutava pela terra e pela moradia. Na novela, o ator fazia par romântico com Camila Pitanga, vivendo com a personagem dela uma linda história de reencontros.

A tragédia, que envolveu a morte do ator, alarmou todos os fãs. Isso porque, em uma das pausas na gravação, Camila Pitanga e Domingos Montagner resolveram sair para mergulhar e aproveitar a folga no Rio São Francisco. Aparentemente, o rio que não oferecia nenhum risco se tornou o vilão da história. Enquanto estavam se divertindo no rio, uma correnteza forte surgiu, puxando o ator para debaixo da água.

Segundo profissionais capacitados em fenômenos hídricos, o acidente foi causado por um fenômeno típico da região. Isso porque o trecho do rio, no qual os atores entraram, ficava próximo da hidroelétrica Xingu, que promove uma diminuição e um aumento do volume de água no canal em horários alternados. Essa situação provoca uma forte correnteza, que gera redemoinhos na água, fenômeno que puxou o ator para debaixo da água, vitimando-o.

Novas informações sobre a tragédia que envolveu a morte de Domingos Montagner após um ano

Diversos foram os boatos e vídeos que apareceram sobre o caso. Entretanto o laudo da polícia sobre a morte não foi divulgado. Na última semana, Augusto Liberato, em seu programa, relembrou a tragédia e, mais do que isso, o programa contou detalhes do acidente, não divulgados pela Rede Globo. Comentaram-se sobre os últimos momentos de vida do ator, como ele passou os últimos dias de gravação.

Ivanildo Gomes, mais conhecido como Batoré, grande amigo de Domingos, esteve presente no programa e falou acerca do caso. Batoré revelou detalhes do processo contra a prefeitura da cidade, onde o acidente ocorreu, falou também sobre detalhes da indenização paga pela Rede Globo à família, uma vez que o acidente ocorreu no ambiente de trabalho, e como a família de Domingos se encontra hoje.

A confirmação de boatos e a negação de outros também ocorreram.

O público lembrou com grande carinho de Domingos Montagner. Batoré revelou que os atores costumavam se banhar no rio, mas não em lugares rochosos e depois de comer, como foi o caso de Domingos. No lugar onde o ator perdeu a vida, segundo Batoré, morreram 64 pessoas. O que mais chamou a atenção foi a maneira como os outros colegas de elenco receberam a notícia da morte de Montagner. Batoré declarou que parecia que, para eles, nada havia acontecido, o que surpreendeu, pois Domingos costumava cumprimentá-los, beijá-los no rosto.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo