A morte de Chester Benninghton continua causando muita tristeza e dúvida para os fãs do linkin park, um pouco por todo o mundo. Tal como informa o site “Notícias ao Minuto”, depois de vários meses aguardando, a autópsia oficial do corpo do cantor do Linkin Park foi finalmente tornada pública, tendo revelado alguns detalhes sobre o que o artista viveu nas últimas horas da sua vida. Ao contrário do que se poderia prever, Chester teria consumido nesse dia uma droga chamada “ecstasy”. No entanto, no momento do seu suicídio, o cantor não estava sobre o efeito de nenhuma droga, provavelmente nem sequer álcool, como muitos órgãos de comunicação sociais tinham informado.

Mas então o que terá levado um artista tão bem-sucedido a cometer o suicídio?

Em várias entrevistas ao longo da sua carreira, Chester nunca escondeu muito que passou por momentos muito complicados na sua vida, tendo cometido algumas asneiras, sobretudo quando estava sozinho. Os fãs do Linkin Park sempre notaram que as letras das músicas da banda eram muito pesadas, sendo que muitas delas abordavam até o tema do suicídio. Apesar desses sinais, ninguém, nem mesmo os cantores que trabalhavam diariamente com Chester, suspeitavam que ela estaria pensando em se suicidar.

Como garante o site “Notícias ao Minuto”, e em mais uma descoberta chocante e perturbada feita pela autópsia, Chester tinha um “historial de tentativas de suicídio”, sendo que essa não teria sido a primeira vez que o famoso cantor tinha tentado tirar a sua própria vida, apesar de, alegadamente, e na opinião de muitas pessoas, viver a vida perfeita: casamento feliz, vários filhos, sucesso mundial e muito dinheiro.

A mesma publicação informa que foram encontrados vários pedaços das unhas do cantor debaixo da cama, algo que pode ser justificado pelo natural nervosismo que ele estaria sentindo minutos antes de decidir que queria mesmo avançar para o suicídio.

Finalmente, no resultado final da investigação foi possível concluir que as autoridades chegaram a encontrar substâncias no armário do quarto onde a estrela foi encontrada, como Zolpidem, usado para tratar as insônias, mas não mais do que isso.

Nas redes sociais, vários internautas, sobretudo fãs e seguidores da banda americana, garantem estar chocados por terem descoberto que o cantor estaria completamente sóbrio no momento em que decidiu tirar a sua própria vida. O que acha de todas essas descobertas perturbadoras? Deixe seu comentário embaixo.

Não perca a nossa página no Facebook!