A atriz Bianca Bin, protagonista da trama das 21h da Globo, 'O Outro Lado do Paraíso', apesar de ser uma atriz já bastante conhecida do público, pouca gente a conhece em sua vida íntima e particular. Em seu primeiro papel de protagonismo na faixa das nove, a atriz fez uma denúncia e falou um pouco do regime que foi criada.

A Clara, de 'O Outro Lado do Paraíso', desde que saiu do hospício, vem trazendo à tona sua fúria contra seus algozes e está muito empenhada em acabar com a vida de Sophia (Marieta Severo), Gael (Sergio Guizé), Lívia (Grazi Massafera) entre outros. Gael já se deu mal. O jovem está preso por tentar estuprar a mocinha e por lá ainda deve ficar alguns capítulos.

Entretanto, o embate final com Sophia é o mais aguardado pelo público que acredita que as maldades da vilã não ficarão impunes.

Já no ponto de vista pessoal, a atriz falou sobre a diferença de salário entre homens e mulheres e deu um exemplo de dentro de casa para mostrar por que é feminista.

Bianca Bin denuncia diferença de salários entre homens e mulheres em ambientes machistas

Em Hollywood, atrizes como Jennifer Lawrence e Meryl Streep também já levantaram a questão sobre salários em ambientes machistas, como o mundo do cinema americano. [VIDEO] Aliás, universo este que vem ruindo após várias denúncias de assédio sexual por diretores e atores renomados, como Kevin Spacey.

Para a atriz, o mundo em que ela vive é um perfeito universo masculino e que ela precisa se impor. 'Ali dentro a gente também ganha menos que os homens.

Não tem como não tocar nesse assunto', denunciou Bianca Bin à revista Glamour.

Bianca se diz feminista desde cedo

A atriz explicou à revista que desde cedo tem um espírito de revolução, combativo e feminista. Tudo porque em sua própria casa, seus pais a criaram de maneira machista, mas ela se impunha. Inclusive, deu um exemplo de que seu irmão (Marcus) que é apenas dois anos mais velho que ela, podia ir e voltar a hora que quisesse, já ela não podia.

Por outro lado, a figura forte e destemida, mostrou fragilidade quando menstruou a primeira vez, aos 12. De toda forma, ela volta ao feminismo e agradece por ser uma combatente da luta e da causa.

Sobre as cenas com Gael, ela disse que seu corpo não entende o trabalho como ficção e acaba liberando muita adrenalina. 'A história é totalmente fora da minha zona de conforto o que exige muito do emocional', revelou a atriz que ainda confessou meditar quando está fora das telas.

Não perca nada de 'O Outro Lado do Paraíso'

’O Outro Lado do Paraíso’: Renato dá golpe em Sophia e a deixa na rua da amargura [VIDEO]

’O Outro Lado do Paraíso’: Gael é retirado da novela e autor revela: 'Reviravolta’ [VIDEO]