As mudanças que irão acontecer nos próximos dias na direção do canal pago de notícias GloboNews têm agitado os bastidores da redação da emissora. Atualmente, a redação está sob direção de Eugenia Moreyra, que será substituída pelo esposo da apresentadora do Jornal Nacional, Renata Vasconcellos, Miguel Athayde, dentro de duas semanas.

Com a mudança, o clima anda tenso na redação da GloboNews. Muitos jornalistas e apresentadores viram troca de comando uma oportunidade para reivindicarem mudanças em seus trabalhos.

Publicidade
Publicidade

Alguns querem comandar programas diferentes, outros desejam mudanças de funções, setores e muitos querem aumento de salários.

O que mais está incomodando é a atitude de alguns jornalistas, que estão aproveitando o cenário de mudança para tirar ou prejudicar alguns colegas de trabalho - a conhecida puxada de tapete. Segundo informações, não há nada de concreto sobre a mudança de programas, principalmente sobre o principal telejornal apresentado pela GloboNews, o Jornal das 10.

GloboNews está em pé de guerra
GloboNews está em pé de guerra

Isso porque a Globo ainda não fechou questão sobre quem vai apresentar de forma definitiva o Jornal da Globo, hoje sob comando de Renata Lo Prete, que deixou o Jornal das 10 para cobrir às pressas o lugar de William Waack, que foi afastado por supostos comentários racistas.

Renata segue comandando o "Painel" desde a saída de Waack. É um programa de debates da GloboNews apresentado sempre aos sábados. Natuza Nery está na escala para apresentar o J10 no lugar de Lo Prete.

Publicidade

Ela, que é jornalista política, já declarou que não tem nenhum desejo de permanecer na função, pois irá interferir em sua rotina familiar, impedindo que esteja com a família. Natuza tem uma criança pequena.

Entre os que foram abordados sobre a possibilidade de assumir o comando do J10 foi a apresentadora Christiane Pelajo, que trabalha no Jornal das 16h. Segundo informações, ela também não tem interesse em assumir o Jornal das 10 em hipótese alguma.

O repórter Roberto Kovalick apresentou um novo projeto para a GloboNews, uma proposta que visa levar para o público um jornal voltado para economia. A dificuldade para que este projeto se execute é que na grade de programação já existe diariamente um jornal de economia.

Nesse processo de transição de direção, parece que a embarcação da GloboNews está à deriva, ninguém está segurando o leme. Tudo indica que até que o novo diretor assuma, ficará suspenso até que se determine de uma forma efetiva os novos âncoras dos programas.

Publicidade

Até lá, que segurem os nervos.

Leia tudo e assista ao vídeo