Anúncio
Anúncio

Até Silvio Santos ficou surpreso com uma notícia que ganhou a mídia neste sábado. O genro do apresentador, que é dono de um dos maiores impérios televisivos do país, teve a prisão decretada. Silvio, que recentemente teve trabalho por conta do noticiário envolvendo o esposo de Patrícia Abravanel, o deputado Fábio Faria, agora tem ainda mais motivos para se preocupar. Isso porque a situação em torno da família Abravanel ficou bastante difícil e o imbróglio judicial está evidente. Agora quem está no meio do turbilhão de informações é Edu Pedroso, que é casado com a apresentadora Silvia Abravanel, que comanda o 'Bom Dia e Cia'.

Anúncio

Edu Pedroso, genro de Silvio Santos, pode ser preso a qualquer momento

Edu Pedroso é um cantor sertanejo que se apaixonou pela filha de Silvio Santos. A relação deles acabou ganhando a imprensa. No entanto, ninguém imaginava que esse casamento fosse acabar com um pedido de prisão da Justiça, como mostra o jornal Extra neste sábado (2). Edu, na verdade, chama-se Kleiton Pedroso. Ele chama a atenção por ser um dos grandes nomes da mídia e por estar ao lado de Silvia em todos os momentos. A última vez que eles foram vistos juntos foi no quadro 'Com o Passar dos Anos', exibido no programa 'Eliana', quando ele e Silvia tiveram que envelhecer rapidamente.

Esposo de Silvia Abravanel pode ir para a cadeia devito à dívida de pensão alimenticia

Mesmo estando em uma das famílias mais ricas do país, a situação de Edu não é das melhores. Ele já foi casado anteriormente e teve até uma filha do casamento anterior. A pequena Sophie, no entanto, não estaria sendo atendida pelo pai, que deve pensão alimentícia. No país, esse crime é grave e no caso da pequena criança, que tem apenas cinco anos, tudo se agrava ainda mais. A menina quase não tem contato com o pai e agora parte dos internautas concordam que Edu deve mesmo ser preso. "Que pague muito caro", disse um dos fãs de Silvio Santos nas redes sociais.

Anúncio

Pedido de prisão abala a Família Abravanel e genro de Silvio pode parar no xilindró

Um pedido de prisão foi expedido pelo juiz Adilor Danieli, da Vara de Família, Órfãos e Sucessões de Balneário Camboriú. Edu não paga a pensão há 11 meses e a Justiça de Santa Catarina decretou sua prisão no dia 24 de outubro. O marido de Silvia não comentou a decisão, mas se mantiver o não pagamento, pode ser preso a qualquer momento.

Deixe o seu comentário. Ele é sempre muito importante e ajuda no diálogo.