Filmes natalinos geralmente são bastante clichês e são geralmente recheados com ingredientes bem batidos: romance, famílias que se reúnem e acertam as contas, cenas comoventes e neve.

Nesse contexto, a Netflix lançou em novembro de 2017 em sua rede de streaming um filme francês que não agradou a todo mundo.

Publicidade
Publicidade

Mas surpreendentemente alcançou níveis ótimos de exibição: muita gente (muita mesmo) assistiu ao filme nos últimos dias. E ao que tudo indica, um certo número de pessoas continua assistindo.

Um jornalista do site Narcity chegou a comentar que o filme é "tão ruim que você não possui outra opção senão continuar assistindo". Além dele, a Vogue Austrália classificou o filme como um "hilariamente péssimo filme da netflix".

Outros espectadores também não gostaram nadinha do longa.

"O Príncipe do Natal" estreou em novembro de 2017 na Netflix.
"O Príncipe do Natal" estreou em novembro de 2017 na Netflix.

As críticas incluem a má atuação dos atores e também furos no roteiro.

No entanto, a melhor parte ainda estava por vir. Em seu perfil oficial, a Netflix resolveu soltar uma indireta um tanto quanto inesperada. Com a divulgação de seus dados anuais, que revelam que séries e filmes foram mais assistidos, o serviço descobriu que 53 pessoas assistiram ao tal "filme ruim" todos os dias nos últimos 18 dias:

"As 53 pessoas que assistiram a "O Príncipe do Natal" todos os dias nos últimos 18 dias: quem machucou vocês?".

Publicidade

A indireta deixou muita gente com a pulga atrás da orelha: Estaria a Netflix (famosa por seu bom humor nas redes sociais) "preocupada" com pessoas que assistiram ao "péssimo" filme ou fazendo um trocadilho com o fato de ser um filme romântico e essas pessoas podem estar de coração partido?

Bom, eles não deixaram claro suas intenções, mas o fato é que o tweet alcançou números incríveis: foram quase meio milhão de likes e mais de cem mil compartilhamentos.

Uma das usuárias perguntou porque a Netflix fica "vigiando" todo mundo. A rede social oficial do serviço respondeu que "se preocupa com seus usuários". Nessa hora, a mesma usuária respondeu: "Você não é minha mãe" e teve como resposta: "Ok, querida".

"O Príncipe do Natal" estreou mundialmente em 17 de novembro na Netflix. No elenco estão Rose Mclver, Theo Devaney e Joel McVeagh. A direção é de Alex Zamm. O enredo conta como uma jornalista vai parar num castelo para vigiar a vida de um príncipe, mas é confundida com a tutora contratada para cuidar da educação da princesa.

Publicidade

Ela então começa a se envolver sentimentalmente com a família e com o príncipe.

Leia tudo