“Sorte no jogo, azar no amor”, diz um velho ditado, repetido a exaustão por muitas pessoas. Com o cantor Pabllo Vittar, o ditado pode ser readaptado: “sorte na carreira profissional, azar no amor”.

Um dos nomes do ano no triste cenário artístico nacional, em que qualquer pessoa para fazer sucesso não precisa de talento, mas de sorte e um excelente trabalho de marketing, Pabllo lamenta o insucesso na vida sexual em entrevista à revista “Joyce Pascowitch”.

Publicidade
Publicidade

Broxante

Na entrevista exclusiva, o cantor Pabllo Vittar diz sair com homens, mas o resultado dessas aventuras não tem sido nada bons desde que ele ficou famoso em todo o Brasil, com músicas chicletes que se espalham pelo país.

Pabllo Vittar alega que, quando sai com algum homem, todos sentem o peso de estar saindo com uma figura conhecida nacionalmente e isso tem feito os parceiros do cantor broxarem na hora H.

Publicidade

O cantor afirma que não consegue um “date direito”, referindo-se a parceiros, porque quando vai sair com alguém as pessoas ficam muito nervosas e acabam broxando.

Sucesso em todo o país

Pabllo Vittar está na crista da onda. O sucesso nacional pode ser transformado em uma carreira internacional no ano que vem. Pelo menos esse é o desejo do staff do cantor.

A música “K.O.” foi um dos grandes sucessos de 2017 e foi eleita a música do ano pelo programa Domingão do Faustão, desbancado sucessos como “Trem Bala”. Além disso, Pabllo foi eleito a pessoa do ano pela revista “Joyce Pascowitch”.

Ofensas

Na mesma entrevista, o artista revela que sofre bastante ataques nas redes sociais. Para comprovar isso basta, por exemplo, digitar o nome dele no campo de buscas do Twitter e constatar que aparecem bastante ofensas.

Algumas críticas ao cantor são por conta de sua orientação sexual. Outros o criticam pela suposta falta de talento musical. Em um vídeo que viralizou na rede meses atrás, internautas comparavam a voz do cantor com a de uma senhora que faz propaganda de um produto na TV.

O vídeo causou risos entre aqueles que não veem talento em Pabllo Vittar, mas também causou irritação daqueles que o seguem e o tem como ídolo. Segundo Pabllo, com a liberdade que as pessoas têm na internet, acaba sempre faltando um pouco de respeito.

Para o ano que vem, o sucesso deve continuar batendo à porta - e é bom aproveitar, porque nunca se sabe quando ele acaba –, mas o cantor buscará também sucesso na vida afetiva, que andou devendo em 2017.

Publicidade

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo