A trama de grande sucesso da Rede Globo, ‘O Outro Lado do Paraíso’, trará nesta sexta-feira (8), cenas impressionantes que poderão definir de uma vez por todas o destino de Clara, que já foi vítima de diversas maldades. A novela conta com a direção de Walcyr Carrasco e direção artística de Mauro Mendonça Filho, além de André Felipe Binder na direção geral.

Clara (Bianca Bin) personagem na trama ‘O Outro Lado do Paraíso’, entrará em completo desespero ao saber que corre o risco de voltar a ser internada no hospício a qualquer momento, no mesmo ambiente onde passou um período forçada.

Publicidade
Publicidade

Após sua fuga do hospício, a moça descobriu que Beatriz (Nathalia Timberg), deixou uma quantia milionária de algumas obras em um esconderijo na mansão de Fabiana (Fernanda Rodrigues), que em breve virá para as suas mãos. Contudo, o advogado Patrick personagem de Thiago Fragoso, dará um importante alerta que a deixará extremamente preocupada com a situação. Isso porque Clara foi interditada judicialmente por Sophia (Marieta Severo).

Ao ser questionada pelo advogado, ela contará que sofreu um golpe de Sophia que conseguiu comprar o psiquiatra, o delegado e o juiz para que a interditassem e que infelizmente o plano de Sophia acabou dando certo.

No entanto, ela conseguiu fugir do hospício e voltou para se vingar de cada um que armou contra sua vida.

Em virtude disso, alertará a mocinha sofre a gravidade da situação, dizendo que enquanto se manter na condição de interditada corre o risco de perder tudo a qualquer hora. Nesse momento, a moça terá a consciência do que está acontecendo. Além disso, o advogado acrescentará que apesar de ter bens materias cancelados, ela também poderá voltar à clínica psiquiatra para uma possível internação por tempo indeterminado. Durante a conversa, a moça entra em verdadeiro desespero.

Publicidade

Raquel e Patrick se unem para provar sanidade de Clara

O advogado Patrick e a juíza Raquel se unirão para que fique provada a sanidade mental da moça. A pedido de Clara, o advogado recorrerá à juíza que imediatamente se colocará à disposição para ajudar no processo de interdição. O advogado contará que a moça havia sido internada em um hospício pela família de Gael e que conseguiu escapar. Contudo, o doutor ficará surpreso ao saber que Raquel já foi amiga de Clara no passado, facilitando ainda mais que Clara receba ajuda da magistrada.

Nesse momento, o advogado explicará que a jovem nunca sofreu de algum distúrbio mental. Logo após, a juíza Raquel achará o processo de interdição. No entanto, assim que a juíza verificar a decisão judicial, ela dirá que as principais peças são do delegado, que registrou a existência de falsas acusações da moça contra o ex marido e constará a ausência de uma determinada avaliação médica no processo, uma situação muito suspeita que abrirá uma brecha na causa.

Publicidade

Essa cenas serão transmitidas na próxima segunda-feira (11).

Obrigado por ler!! Compartilhe o nosso artigo e torne-se o nosso seguidor.

Leia tudo