A chocante e inesperada morte no midseason finale de The Walking Dead [VIDEO] (TWD), da AMC, distribuído pela Fox, parece não ter sido suficiente para salvar a oitava temporada. O capítulo não conseguiu atrair o público e tudo indica que vários fãs viraram as costas de vez para a série.

O último episódio da primeira metade da oitava temporada registrou uma das piores audiências da história do seriado, com aproximadamente 7,9 milhões de telespectadores. De acordo com as opiniões do público com faixa etária entre 18 e 49 anos, a média avaliativa de How It's Gotta Be foi de 3.4 (via Entertainment Weekly), estabelecendo a segunda pior midseason finale desde 2011, na segunda temporada.

Em comparação com as estatísticas da sétima temporada, que já havia perdido boa parte de seus espectadores, o oitavo ano de The Walking Dead [VIDEO] perdeu 25% de seu público, fato que pegou o showrunner Scott M. Gimple de surpresa, pois ele havia apostado pesado em Negan e os Salvadores para estabilizar o interesse dos fãs.

Vale citar ainda que o episódio Time for After, apenas um antes da série entrar em hiato, registrou a pior audiência do thriller zumbi dos últimos seis anos. Entretanto, mesmo com toda essa maré de azar e dados concretos, o produtor executivo de TWD, David Alpert, afirmou que as estatísticas podem ser enganosas e que acredita veementemente que o programa não perdeu a relevância.

Em recente entrevista concedida à revista online Variety, Alpert explicou que acredita que a queda acentuada signifique que o modo como os espectadores consomem as séries mudou.

"Não acredito de jeito nenhum que a marca tenha perdido sua relevância, de modo geral. Eu apenas acho que estamos diante de uma diminuição na urgência de assistir algum programa em um horário específico por meio das mídias. A internet está dominando tudo."

David Alpert também falou a respeito de novos fãs que ainda não conseguiram alcançar a atual temporada. Afinal, The Walking Dead possui sete longas temporadas antes de chegarem ao estágio em que o seriado se encontra.

Não se pode afirmar que Alpert esteja totalmente errado, mas é nítido que a série esteja passando por uma série de problemas criativos, e o resultado disso é uma petição online criada pelos fãs no site change.org que visa a demissão de Scott M. Gimple do cargo de showrunner, que, por sinal, recolheu mais de 80 mil assinaturas.

The Walking Dead retorna somente em fevereiro de 2018.