Publicidade
Publicidade

A grande história de amor de Deus Salve o Rei, da Rede Globo, como estar com seus dias contatos. Pelo menos é o que deve acontecer se depender apenas da vontade de Amália (Marina Ruy Barbosa). Após a protagonista da novela das sete descobrir a verdade sobre o namorado (saiba todos os detalhes desta cena clicando aqui!), ela percebe que seu mundo é muito diferente do universo de Afonso (Romulo Estrela) e toma uma decisão drástica.

Segundo a colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, tudo começa quando o príncipe se rende ao amor e conta tudo a seu respeito para Amália.

Publicidade

Não demora muito e Afonso a pede em casamento, para oficializar logo a união dos pombinhos. Contudo, antes que a irmã de Tiago (Vinícius Redd) tenha uma resposta, o neto de Crisélia (Rosamaria Murtinho) abre o jogo 100% para ter a certeza de que a decisão da amada é ciente de tudo o que pode mudar em sua vida dali em diante.

Na sequência de Deus Salve o Rei, Afonso leva Amália para Montemor e não demora muito para ela matar a charada. Afinal, cada habitante do local faz reverência ao namorado. Para ter certeza de suas suspeitas, ela pede explicações a Afonso, que vai direto ao ponto, dizendo que é o herdeiro do trono.

No primeiro momento, Amália não se assusta. Ela é apresentada a todos no castelo como a noiva do futuro rei e, com isso, recebe todas as regalias de seu novo ponto. Mas, acostumada a trabalhar, a mocinha da novela não fica à vontade com tanto mimo e luxo dentro do palácio. Isso é determinante para ele definir seu futuro.

Após algum tempo em Deus Salve o Rei, Amália escuta Orlando (Daniel Warren) afirmar para Petrônio (Leandro Daniel) que a união do rei com uma plebeia será uma verdadeira vergonha para Montemor.

Publicidade

A conversa deixa a mocinha chateada. Então, ela resolve ir ao encontro de Afonso para resolver a situação de uma vez por todas.

Assim que vê seu amado, Amália afirma que não pode se casar com ele. Afonso fica em choque e não entende o motivo da mudança. Ele pergunta se alguém a tratou mal ou a insultou e jura resolver o problema, mas Amália não conta toda a verdade e apenas nega as suposições do noivo.

Na sequência, Amália explica que a ela está sendo tratada como se fosse uma outra pessoa e mostra toda sua insatisfação com a nova vida.

Assim, mesmo escondendo que não quer fazer o rei passar vergonha ao se casar com uma plebeia, Amália convence o noivo de que ela não pretende ser uma monarca, pois gosta de ser a mulher que o rei conheceu em Artena.