A teledramaturgia perdeu no último domingo (21) uma das artistas de maior destaque dos anos 80 e 90. Desirée Vignoli sofreu um infarto fulminante e foi encontrada morta pela mãe, que mora no mesmo prédio. Desirée ficou bastante conhecida ao participar de várias novelas de sucesso da Rede Globo, entre elas, "Que Rei Sou Eu?" (1989) e "Mico Preto" (1990).

Publicidade
Publicidade

Seu último trabalho foi na Rede Record no ano de 2000, onde atuou em “Vidas Cruzadas”. Esse foi o último trabalho da atriz na TV.

Desirée já havia revelado que tinha vontade de voltar a trabalhar na TV. Mas reclamava que as emissoras não davam mais espaço a ela. Tudo isso foi dito pela atriz em uma entrevista no ano de 2012 para o jornal “Extra”. "Hoje ando de ônibus, faço ginástica, ioga e terapia. A única coisa que falta para eu ser feliz por completo é voltar a atuar”, disse a artista na época.

Filha pediu que fãs se lembrassem da grandiosidade da mãe
Filha pediu que fãs se lembrassem da grandiosidade da mãe

A filha de Desirée, Jéssica Blanco, de 29 anos, ficou bastante abalada com a morte da mãe. Jéssica postou uma foto em suas redes sociais e fez uma breve homenagem à mãe. Ela aproveitou para pedir aos fãs que se lembrassem da grandiosidade da mãe. "Mãe, quando imaginei que esse seria nosso último momento feliz juntas, e você estava tão feliz! Que você possa enfim descansar em paz, será recebida com muito amor e muita luz, porque as dores desse mundo louco acabaram para você”, escreveu a filha.

Publicidade

Os fãs da atriz também demostraram estar tristes com o falecimento. Na página da UOL, vários internautas lamentaram a notícia. “A morte é a rainha vida, ela virá para todos. Eu gostava da Desirée como atriz, descanse em paz”, “Muito bonita. Gostei de vê-la trabalhando, mas vai se saber o que se passou nesse tempo todo”, escreveram dois internautas.

Prisão de Desirée Vignoli

O afastamento de Desirée das telenovelas se deu por diversos motivos. Um deles foi a prisão da atriz no ano de 1999.

Ela roubou a bolsa de uma colega de academia e acabou indo parar atrás das grades. A notícia repercutiu negativamente na carreira da atriz e causou espanto em muitos fãs.

Anos após, ela disse que tudo o que falaram sobre ela naquela época era mentira. Ela relatou ao jornal “Extra” que a mídia veiculou muitas informações caluniosas a respeito dela. Mas Desirée não negou ter furtado a bolsa da colega. Ela disse que praticou o furto em um momento de desespero e por estar passando por graves dificuldades financeiras.

Publicidade

Sobre isso ela revelou também que estava muito arrependida.

Leia tudo