O cantor e funkeiro paulista MC Livinho está envolvido em mais uma polêmica, o jovem de 23 anos vem se mostrando cada vez mais intolerante e agressivo. No ano de 2016, MC Livinho agrediu um garoto durante uma apresentação em Minas Gerais, depois de se atrasar por aproximadamente 3 horas, o jovem fã reclamou da demora e levou um enorme tapa na cara. Em dezembro de 2017, durante seu show em uma festa de formatura, ele desceu do palco para agredir um jovem que estava na plateia e que segundo o cantor, o ofendeu. O MC partiu para as vias de fato e começou a estrangular o garoto, os seguranças do evento precisaram intervir e conter o cantor, o vídeo com a agressão foi compartilhado massivamente nas redes sociais.

Carreira

Oliver Decesary Santos, nasceu em São Paulo, no dia 11 de novembro de 1994, de origem humilde, ele iniciou na carreira musical em 2008 e adotou o nome artístico de MC Livinho, o jovem é um dos grandes representantes do Funk ousadia, o qual se destaca pelas conotações sexuais e erotismo no lírico das canções [VIDEO]. Livinho é hoje um dos funkeiros mais conhecidos do país com uma agenda lotada de shows em todo o país.

O jovem já está colhendo os frutos de seu sucesso, em novembro de 2017, conforme noticiou o portal 'Gazeta Web', o cantor comprou um jatinho no valor de R$ 6 milhões e um apartamento de cobertura no valor de R$ 4 milhões. Na ocasião, o empresário do cantor informou que o avião era para facilitar as idas e vindas do cantor que tem uma média de 25 shows por mês com cachê de R$ 150 mil.

Ou seja, o funkeiro vai muito bem de grana, obrigado. Mas as atitudes intempestivas do jovem cantor pode, colocar tudo a perder, principalmente se ele continuar acreditando que a violência é a solução.

Agressão

De acordo com o portal de notícias, 'TV Foco', Vitor, técnico de som da equipe do MC Livinho, foi agredido pelo cantor durante um show que aconteceu na noite de sexta-feira (26), o evento aconteceu na Áudio Club, em São Paulo.

Segundo Vitor e testemunhas que estavam no local, as agressões aconteceram pouco antes do funkeiro subir no palco, depois da passagem de som, o técnico foi chamado por Livinho em seu camarim, ao chegar ao local, ele foi agredido verbalmente, Livinho teria o responsabilizado por um pequeno problema com o som e desferiu vários palavrões c [VIDEO]ontra Vitor, que foi vulgarizado e humilhado na frente de outras pessoas. Depois de ouvir todas as barbaridades, o técnico afirmou que não tinha como continuar trabalhando para Livinho, depois de ter sido tratado daquela maneira, ele pediu demissão e saiu do camarim.

Transtornado, Livinho foi atrás de Vitor e começou a agredi-lo, com tapas, murros e pontapés e o jogou escada abaixo. O ex-funcionário do funkeiro precisou de cuidados médicos. Ainda não existe nenhuma informação sobre uma denúncia formal na polícia do técnico contra o cantor.

A assessoria de imprensa do cantor não se manifestou a respeito.

Vídeo em que Livinho agride fã em show: