O cantor Gusttavo Lima é um dos grandes nomes da música brasileira. [VIDEO] Ele ficou conhecido pelas suas músicas dançantes, mas, nos últimos tempos, tem entrado em uma polêmica após a outra. A última delas ganhou destaque nesta quarta-feira (28), quando o artista foi indiciado, [VIDEO]ao lado de mais três pessoas, por crime ambiental. Inicialmente, a assessoria do artista negou o indiciamento e garantiu que o artista teria enviado toda a documentação necessária para evitar uma apuração ou punição. O 'Jornal Hoje', da mesma emissora, no entanto, reiterou as informações dadas pelo G1.

Gusttavo Lima é atacado duas vezes na mesma semana pela Globo

É a segunda vez que, na mesma semana, a emissora "bate" no cantor.

A primeira foi no último domingo, quando o 'Fantástico' exibiu uma reportagem que mostrava o artista manuseando uma arma de fogo. O cantor sofre tudo isso em um momento que deixa claro o seu apoio ao deputado federal Jair Bolsonaro, considerado pré-candidato à presidência da República.

Polícia indicia Gusttavo Lima; cantor é acusado de crime ambiental em Goiás

A Polícia Civil de Goiás garante que o artista, que tem uma fazenda na capital do estado, teria construído uma represa maior para a sua propriedade sem pedir qualquer tipo de licença, o que, segundo as autoridades, seria um erro. A assessoria de Gusttavo nega que a obra seja irregular e revela que o profissional da música teria enviado toda a documentação pedida para fazer tudo isso. Já os investigadores do caso, por sua vez, revela que encontrou máquinas trabalhando no local no final do ano de 2017.

A polícia teria pedido o protocolo da licença para que as obras acontecessem, mas o documento não teria sido entregue.

Nas redes sociais, muita gente fez questão de dar opinião sobre o assunto. "Eita povo ignorante meu Deus. O povo ta defendendo um Cara que ta cometendo um crime ambiental, simplesmente porque ele fez Uma declaração politica em favor de um certo candidato. É por isso que esse mais não vai pra frente. Mistura simpatia, fanatismo, Politica. Com coisas que não pode deixar de punir os errados por esses motivos que nada justifica", disse um internauta ao falar sobre o tema. "Pouco importam as convicções políticas do cara. Ele tem o direito de tê-las, mas não é isso o que está em discussão aqui. Houve transgressão a uma lei ambiental, e a lei é para TODOS, ricos ou pobre, famosos ou anônimos. Ou não?!", disse mais um ao comentar o tema. #Gusttavo Lima #Polícia Federal