The Walking Dead [VIDEO] retornou com sua oitava temporada no dia 25 de fevereiro, sendo o nono episódio dessa temporada. "Honor" foi o título do episódio, o qual ficou marcado pela triste despedida com a trágica morte do personagem Carl. A morte foi antecipada desde o último episódio lançado no ano passado, antes da série entrar em hiatus. Com o lançamento do episódio de sua despedida foi jogada no lixo toda possibilidade do personagem sobreviver.

Alguns fãs aceitaram a mudança, outros simplesmente não aceitam a morte de um dos personagens mais importantes para a série. Pelo menos nas HQs, onde Carl representa praticamente o futuro.

Com sua morte, a história desvia do enredo original dos quadrinhos e os fãs ficam preocupados com a continuação da série, já que não terá mais o Carl. A expectativa é que os arcos que envolvam o personagem serão passados para outro personagem. Com tudo isso acontecendo, o showrunner Scott Gimple decidiu falar sobre o ocorrido dizendo que 'grandes mudanças estão por vir.'

Em uma entrevista recente para o TVLine, Gimple falou sobre a morte do personagem e o quanto o choque causado por essas mortes são importantes.

"Queríamos contar uma versão do arco das HQs que mantinhas as emoções semelhantes ao que você obteria ao ler o material original, mas de maneiras diferentes. De modo que os leitores das histórias em quadrinhos não pudessem prever."

Ele também disse que essa tática de 'choque', ou seja, acontecimentos inesperados, é algo que eles querem manter na série.

"Isso, em muitos aspectos, é um final de uma era para The Walking Dead [VIDEO] e o início de uma nova", disse o showrunner. "Nós planejamos fazer isso futuramente, puxar arcos dos livros de forma literal, que aconteçam de maneiras diferentes, com o objetivo de deixar uma mensagem de alguma forma. A morte de Carl foi um desses acontecimentos", terminou Gimple.

Com tudo isso, os fãs de The Walking Dead podem aguardar uma nova era com novos acontecimentos chocantes e inesperados. Scott Gimple sentia que Carl era a pessoa perfeita para dar início a essa nova era: "Ele precisava ser a pessoa que empurrou o mundo para uma direção, que de alguma forma tenha deixado uma mensagem."

"Essa mensagem pode até não ser ouvida, mas queríamos que ela tivesse o peso incrível de vir deste jovem herói nas mais tristes circunstâncias." Scott terminou dizendo que esse acontecimento não teria tal gravidade se fosse com outro personagem.

A oitava temporada de The Walking Dead está sendo exibida aos domingos, 23:30, no Canal FOX.